PUBLICIDADE

Condenada pela Justiça, mulher é presa por furto de dinheiro e joias

Rosana Nunes em 14 de Dezembro de 2018

Divulgação/Polícia Civil de Ladário

Rosemeire foi presa hoje pela Polícia Civil ladarense

Condenada a pena de 4 anos e 7 meses em regime inicial semiaberto por furto, Rosemeire Ramos Ramão, de 36 anos, foi presa na manhã desta sexta-feira (14) pela Polícia Civil de Ladário. Em abril de 2015, ela trabalhava como empregada doméstica em uma residência. A dona da casa passou a notar que quantias em dinheiro estavam "sumindo" e pouco tempo depois, sem justificativa, Rosemeire não foi mais trabalhar. 

Desconfiada, a vítima conferiu suas joias que estavam guardadas em um cofre dentro do guarda-roupa e que só ela tinha as chaves. Para surpresa dela, ao abrir o cofre, constatou que todas as peças haviam sumido. Além de alto valor, as joias eram antigas, herança de família e tinham valor sentimental. 

A vítima foi atrás de Rosemeire, ela acabou confessando o furto de dinheiro e, as joias, disse que revendeu para um ourives da cidade. Na época, a mulher e o ourives foram levados para a Delegacia de Polícia Civil. Processada, desde que foi condenada, Rosemeire estava em local "incerto e não sabido", até ser localizada pelos policiais de Ladário. 

PUBLICIDADE