PUBLICIDADE

PMA apreende 200 metros de rede de pesca no Canal do Tamengo

Rosana Nunes em 12 de Dezembro de 2018

Divulgação/PMA

As três redes somaram duzentos metros de comprimento

Duzentos metros de rede de pesca foram apreendidos pela Polícia Militar Ambiental, na terça-feira (11), durante fiscalização no rio Paraguai e no Canal do Tamengo, em Corumbá. Petrechos proibidos, as três redes estavam armadas no canal, nas proximidades do território boliviano, mas nenhum pescador foi identificado. 

Durante a operação Piracema, iniciada em 05 de novembro, a PMA está realizando fiscalização e monitoramento de cardumes, com postos fixos instalados nas principais cachoeiras e corredeiras de rios do Estado, onde os peixes são mais vulneráveis à pesca predatória.

A corporação ressalta que a retirada de redes ilegais dos rios impede a degradação dos cardumes, já que o petrecho tem alto poder de captura, especialmente no período de piracema. É muito difícil a prisão dos indivíduos que se utilizam das redes, em virtude do pouco tempo que levam para armar e conferir os peixes capturados. Mais difícil ainda porque armam normalmente à noite.

A proibição da pesca nos rios de Mato Grosso do Sul dura quatro meses e vai até o final de fevereiro. Denúncias à PMA podem ser feitas pelo telefone (67) 3231-5201. 

PUBLICIDADE