Ação para presentear idosos do Asilo São José faz sucesso no Facebook

Ricardo Albertoni em 13 de Novembro de 2018

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Ao todo, o Asilo São José atende 80 internos

Postagem sobre idosos do Asilo São José, em Corumbá, tem “bombado” nas redes sociais nos últimos dias. A ideia de reproduzir uma ação realizada em outra cidade do Brasil com o objetivo de presentear os idosos partiu da acadêmica de Ciências Biológicas, da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), Pamella Katiele Santos Rodrigues dos Santos e rapidamente viralizou.

A simplicidade da ação contrasta com sua criatividade. Utilizando quadro e giz, Pamella perguntou aos idosos o que eles gostariam de receber de presente de fim de ano. A resposta da maioria foi emocionante e o resultado da ação na rede social, surpreendente.

Reprodução

Pedidos combinados com o carisma dos “vovôs” nas imagens disponibilizadas na rede, acabaram gerando grande envolvimento dos usuários


Pedidos simples combinados com o carisma dos “vovôs” nas imagens disponibilizadas na rede acabaram gerando grande envolvimento dos usuários do Facebook, alcançando em pouco tempo muitos compartilhamentos.

“Estava nas redes sociais e vi uma publicação sobre apadrinhamento dos idosos e achei que seria ótimo se fizéssemos isso. Fui até o asilo e falei com a direção, a assistente social, que foi muito gentil comigo e apoiou a ideia. Quando pedi apoio na universidade, alguns quando ficaram sabendo colocaram empecilhos, dizendo que não poderíamos divulgar fotos e assim por diante, mas também houve aqueles que se prontificaram a ajudar, como a Victória, Marcivany, Gabriele. Acho que as pessoas querem ajudar, só precisam de um incentivo”, explicou Pamella lembrando que a repercussão aumentou depois que o material foi postado em uma página conhecida como “Segredos UFMS”.

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

As acadêmicas Victória (à esquerda) e Pamella (direita)


O sucesso foi tanto, que todos os idosos já foram apadrinhados. A acadêmica de Psicologia, Victória Beattriz da Silva Pacheco Moreira, uma das colaboradoras que se encantaram com a ideia, afirmou que se emocionou com a aceitação dos usuários da rede. “Foi lindo ter esse retorno imediato da população. O sucesso da postagem nos deixou imensamente felizes, por ainda existirem pessoas neste mundo que se importam com o próximo. Nos emocionamos bastante em pensar que faremos o Natal deles um pouco mais feliz”, destacou Victória.

Parcerias são fundamentais

Para Lina Nascimento, uma das diretoras do Asilo São José, as parcerias têm se tornado fundamentais para que o estabelecimento se mantenha em pleno funcionamento, já que o local não conta atualmente com repasses do Poder Público. Ao todo, o Asilo São José tem 80 leitos. 

“Essas parcerias são tão uteis porque o Asilo hoje vive através delas, de doações, desse envolvimento com a comunidade. Nesse momento estamos sem nenhum convênio ou parceria com o Poder Público, estamos vivendo de doações da própria comunidade, empresários, grupos de serviços”, explicou Lina ao Diário Corumbaense.

Apesar de também destacar a importância das doações, a secretária Eulinda Apontes Rodrigues ressaltou que a presença da comunidade é benéfica para os idosos. “Achei muito interessante, já compartilhei, é uma corrente do bem e isso é muito bem-vindo. A necessidade dos idosos não é somente alimento, é bom ter uma coisinha para eles, um chinelo, um rádio, às vezes eles querem uma novidade e o mais importante é esse envolvimento com a comunidade, essa atenção que eles recebem, o que eles mais querem é isso”, disse Eulinda.

Para ajudar o Asilo São José ou colaborar com a ação das acadêmicas disponibilizando presentes extras ou auxiliando na festa que será realizada no dia 21 de dezembro para a entrega dos presentes, os interessados podem ligar para os telefones (67) 99977-5868 (Pamella) ou (67) 98446-4788 (Victória).

Já para doar materiais de limpeza, fraldas geriátricas, que têm grande demanda, e outros produtos, a população pode ir até a entidade, que fica na rua Colombo, 867 – Centro, ou ligar no telefone (97) 3231-3888.

PUBLICIDADE