Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
20 de Setembro de 2018
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

MS teve queda na oferta de serviços entre os meses de outubro e novembro

Campo Grande News em 12 de Janeiro de 2018

O setor de serviços encolheu 0,30% em Mato Grosso do Sul entre outubro e novembro, segundo pesquisa divulgada nesta sexta-feira (12) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Comparando os penúltimos meses de 2016 e 2017, foi registrada retração de 9,80% nesse seguimento no estado.

Em setembro, conforme o órgão, a queda havia sido de 3,20%. Em todos esses casos, os índices são calculados com o chamado ajuste sazonal, que considera as particularidades como feriados e outros fatores que podem interferir nos resultados. No acumulado dos últimos 12 meses, o estado teve redução de 10,10% na oferta de serviços à população, mantendo a média registrada nos levantamentos anteriores.

Em contrapartida, a receita obtida pelas empresas ou pessoas que prestam algum tipo de serviço não sofreu variação comparando novembro com outubro. Já no período imediatamente anterior, o IBGE havia contabilizado redução de 1,20% e entre setembro e outubro, a retração nas receitas foi de 2,30%.

Nacional

No Brasil, o setor cresceu 1,0% em relação a outubro na série com ajuste sazonal após recuos de 0,8% em outubro e de 0,1% em setembro. Na comparação com novembro de 2016, houve queda de 0,7%. Já a receita nominal em novembro subiu 1,2% em relação a outubro.

Por atividades, segundo o IBGE, o segmento de “Outros serviços” não teve variação positiva em relação a outubro (0,0%). Os Serviços prestados às famílias e os Serviços de informação e comunicação (ambos com 0,9%) tiveram o maior crescimento, seguidos por Transportes, serviços auxiliares dos transportes e correio (0,6%) e Serviços profissionais, administrativos e complementares (0,2%).

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE