Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
21 de Janeiro de 2018
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Nova sede do IFMS permite aumentar vagas no ensino superior e cursos técnicos integrados

Da Redação em 10 de Janeiro de 2018

Divulgação/IFMS

Construção de prédio próprio passou por vários problemas até a conclusão

Finalizada a mudança para a sede definitiva, o Campus Corumbá do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) passou a prestar todos os serviços e atendimentos à população no prédio construído na rua Pedro de Medeiros, s/nº, bairro Popular Velha. Desde 2011, a instituição funcionava em espaço provisório no município.

No campus definitivo são prestados serviços como informações sobre os cursos oferecidos na unidade, acesso à internet para inscrições em processos seletivos e atendimento aos estudantes para emissão de documentos como transferência e histórico escolar, entre outros.

Os aprovados no Exame de Seleção 2018 também devem se dirigir à sede definitiva do IFMS para fazer a matrícula nos cursos técnicos integrados a partir desta quarta-feira, 10. Na última semana de janeiro, será a vez dos estudantes já matriculados realizarem a rematrícula no novo campus.

A transferência dos serviços administrativos para a sede definitiva teve início na última semana de dezembro. Os estudantes começam a ter aulas na nova casa em 05 de fevereiro, primeiro dia letivo de 2018.

"Nessa data, teremos todos os estudantes do Campus Corumbá na sede definitiva. Mas, já no dia 17 de janeiro os aprovados no Exame de Seleção 2018 terão aulas de nivelamento de língua portuguesa, matemática e informática no novo prédio", explicou o diretor-geral do Campus Corumbá, Sandro Moura Santos.

Sede definitiva 

Com 6,6 m² de área construída, o novo campus tem quatro blocos. São 13 salas de aula, o mesmo número de laboratórios, biblioteca, setores administrativos, quadra poliesportiva e estacionamento.

O diretor-geral comenta que a estrutura permitirá a ampliação do número de vagas. Atualmente, são 1.019 estudantes matriculados em cursos técnicos integrados, educação a distância, qualificação profissional, graduação e pós-graduação, de acordo com o Sistema Nacional de Informações da Educação Profissional e Tecnológica (Sistec).

"Com a mudança para a nova sede, temos a possibilidade de aumentar o número de vagas no ensino superior e de quase dobrar a quantidade de estudantes matriculados nos cursos técnicos integrados ao ensino médio, até 2020. Essa ampliação, inclusive, consta no Plano de Desenvolvimento do Campus Corumbá", explicou.

Divulgação/IFMS

Sede definitiva vai permitir ampliar o número de estudantes matriculados

Em relação aos laboratórios - para os quais a maior parte dos equipamentos, segundo o diretor-geral, já foi adquirida - Sandro destaca os que vão atender os estudantes da área de metalurgia.

"Na sede provisória, nós tínhamos apenas um laboratório para as turmas do técnico integrado em Metalurgia e do curso superior de tecnologia em Processos Metalúrgicos. Agora, são dois espaços específicos para essa área: um para equipamentos mais pesados e outro para preparação de amostras e análise de materiais", detalhou.

A  unidade passa a contar ainda com oito laboratórios de Informática e três de Ciências.

Histórico

A obra da sede definitiva do Campus Corumbá foi prejudicada por uma série de fatores. Em 2012, o IFMS rescindiu o contrato com a empresa vencedora da licitação pelo descumprimento de obrigações contratuais.

Em 2013, a segunda colocada assumiu a obra, mas no ano seguinte abandonou os trabalhos. Em 2015, o Instituto deixou de renovar o contrato com essa empresa porque a mesma deixou de cumprir as obrigações previstas no contrato.

Nos dois casos, o IFMS aplicou penalidades previstas em lei. As empresas foram multadas e proibidas de participar de licitações da instituição por dois anos. Providenciado mais um processo licitatório, uma nova empreiteira assumiu a obra em janeiro de 2016 e concluiu a construção da sede definitiva dentro do prazo previsto. Com assessoria de imprensa.

 

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE