Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
12 de Dezembro de 2017
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Indivíduo que levou tiro no pé não vai à delegacia e levanta suspeitas da Polícia

Rosana Nunes em 26 de Novembro de 2017

Rapaz de 20 anos, baleado no pé no final da manhã de sábado (25), na área central de Corumbá, próximo a ponte da 13 de Junho, não compareceu à Delegacia de Polícia Civil para prestar depoimento. Segundo a versão de uma adolescente que estava com ele em um carro, indivíduo que estava em outro veículo com placas da Bolívia, teria feito um disparo em direção à vítima e depois atirado para o alto. O tiro transfixou o pé esquerdo do rapaz, que foi levado ao pronto-socorro, medicado e depois liberado. Socorrido pelos bombeiros, ele contou que não conhecia o autor dos disparos.

Divulgação/Bombeiros

Momento em que bombeiros prestaram socorro ao rapaz baleado

No entanto, a Polícia Militar deteve o suspeito da tentativa de homicídio, de 21 anos, que contou que procurava a adolescente porque ela havia pegado, sem autorização, o carro do seu padrasto. Quando a encontrou em companhia do indivíduo baleado e de outras pessoas, fez um disparo para o alto para intimidá-los. Eles saíram correndo e o autor fez outro disparo em direção ao chão, quando atingiu a vítima no pé. 

O delegado plantonista do 1º Distrito Policial, Sam Ricardo Suzumura, informou a este Diário que a adolescente reconheceu o suspeito como autor dos disparos, mas contou várias versões, levantando desconfiança da equipe de investigação. Inclusive, a possibilidade de ela, junto com o indivíduo que levou o tiro, tivesse a intenção de cometer roubo ou furto, o que justificaria o fato dele não ter comparecido à delegacia. A Polícia prossegue com a investigação desse caso. 

 

Ações e Compartilhamento
Entre em contato com o autor
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE