Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
12 de Dezembro de 2017
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Em MS, 80 mil fazem prova por diploma do ensino fundamental e médio

Campo Grande News em 16 de Novembro de 2017

A prova do Encceja (Exame Nacional para Certificação de Competência de Jovens e Adultos) tem quase 80 mil candidatos em Mato Grosso do Sul. Esse é o sexto maior número de inscrições no país. A prova estava marcada anteriormente para 22 de outubro, mas foi adiada.

O exame, que já certificava a conclusão do Ensino Fundamental dos candidatos, irá também atestar a finalização do Ensino Médio pela primeira vez desde 2009, ano em que o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) passou a ser usado para validar a conclusão do ensino médio. Somente para a prova de conclusão do Ensino Médio, se inscreveram mais de 60 mil candidatos. Ao todo, foram 19 483 inscritos para o exame de certificação do Ensino Fundamental.

Para saber o local de prova, os candidatos devem consultar o site do Inep (Instituto Nacional de Estudos Educacionais e Pesquisas Anísio Teixeira), no link. Por questões de segurança, o instituto não divulga a relação dos locais de prova.

Para realizar a prova, é necessário que o candidato tenha, no mínimo, 15 anos para certificação de Ensino Fundamental e 18 anos para Ensino Médio. Os exames começam às 09h, no horário de Brasília, e irá ser aplicada pela manhã e no período da tarde.

Os candidatos  que farão a prova para o Ensino Fundamental vão fazer, de manhã, as provas de Ciências Naturais e História e Geografia. Na parte da tarde, a partir das 15h30, no horário de Brasília, as provas serão de Língua Portuguesa e Estrangeira, Artes, Educação Física, Redação e Matemática.

Já para os candidatos que farão a prova para certificação do Ensino Médio, serão aplicadas no período matutino as provas de Ciências da Natureza e suas Tecnologias e Ciências Humanas e suas Tecnologias. À tarde os concorrentes farão provas de Matemática e suas Tecnologias e Linguagens e Códigos.

As provas também serão aplicadas para pessoas que estão detidas e não conseguiram concluir os ensinos, além daquelas pessoas que moram fora do país. O exame também é realizado por pessoas privadas de liberdade, mas as datas são diferentes, 24 e 25 de novembro.

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE