Menu

Fale Conosco Expediente

Corumbá, MS
23 de Novembro de 2017
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

No mês da prevenção, “Pedal Rosa” conscientiza sobre combate ao câncer de mama

Ricardo Albertoni em 21 de Outubro de 2017

Fotos: Ricardo Albertoni/Diário Corumbaense

Participantes saíram da concentração, na bicicletaria Alagoano, localizada na rua Albuquerque e realizaram percurso até o Assentamento 72, em Ladário

O ciclismo, esporte que tem ganhado cada vez mais adeptos em Corumbá, reunindo pessoas das mais variadas profissões, idade ou classe social, exerce além dos benefícios físicos a quem pratica, a oportunidade de se desconectar da rotina estressante por meio do contato com a natureza.

Muitas vezes é sobre duas rodas que os problemas são esquecidos. Mas nem por isso, os amantes do pedal estão alheios às questões importantes da sociedade. Por isso, durante o Outubro Rosa, mês de conscientização sobre o câncer de mama, a advogada Anne Andréia Fonseca e a educadora física Anna Paula Capitel Camargo tiveram a ideia de realizar o "Pedal Rosa". Utilizando o rosa, seja nas vestimentas ou em enfeitas nas bicicletas, na manhã deste sábado, os participantes saíram da concentração, na bicicletaria Alagoano, localizada na rua Albuquerque e realizaram percurso até o Assentamento 72, em Ladário.

“Ano passado fizemos a primeira edição com café da manhã e Workshop para a galera que está iniciando no pedal aprender a trocar o pneu, tirar a roda da bike, tirar o pneu se caso furar. Esse ano, com a parceria da Caixa de Assistência aos Advogados, da OAB, juntamente com a Escola Superior de Advocacia  (ESA), resolvemos unir forças no combate ao câncer de mama, trabalhando a prevenção à doença. Estamos abraçando essa causa daí o nome Pedal Rosa”, disse a advogada ao Diário Corumbaense.

O "Pedal Rosa" foi idealizado pela educadora física Anna Paula Capitel Camargo (à esquerda) e a a advogada Anne Andréia M. Fonseca (à direita)

Além de abordar o assunto, o evento teve por objetivo convidar mais pessoas para conhecer o esporte, já que o percurso, denominado como pedal leve, foi programado para que até mesmo os iniciantes possam realizá-lo sem dificuldades. O evento teve apoio de guarnições da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros. A Agetrat também esteve presente, organizando o trânsito durante a saída.

“A ideia realmente é trazer a população para pedalar, fazer mais uma atividade física”, explicou Anna Paula adiantando que o grupo pretende realizar ação semelhante em novembro, mês de conscientização e combate ao câncer de próstata.

O jovem estudante de engenharia mecatrônica em Campo Grande, Luca Acosta Chaves, ressaltou a importância da causa. “Há 4 meses eu voltei ao esporte. Conheci o pedal em 2013 durante uma ação social. Gostei do esporte  e comecei a praticar. Me ausentei por um tempo,  mas de uns meses pra cá voltei a pedalar. Abordar esse tema é importante. A maior parte da minha família é de mulheres e na minha casa sempre houve esse interesse, essa conscientização a respeito do combate à doença. Por isso, sei a importância de apoiar e divulgar essa causa para que as pessoas se conscientizem e busquem desmistificar esse tabu de não fazer o exame, deixar de lado o medo, a vergonha de enfrentar a doença”, afirmou.

Workshop para repassar técnicas e dicas para enfrentar os problemas que as bicicletas podem apresentar no caminho foi realizado

Durante o evento foi  oferecido aos participantes café da manhã e aos iniciantes, foi realizado um Workshop para repassar técnicas e dicas para enfrentar os problemas que as bicicletas podem apresentar no caminho. Também houve sorteio de brindes. A ação teve o patrocínio da Loja Mafisa, bicicletaria Alagoano, Bolos da Dany, Nutricenter, Verdurão da Cabral, Verde Natural.

Caminhada Contra o Câncer

No próximo dia 28 de outubro, a Rede Feminina vai realizar a 5ª Caminhada Contra o Câncer. O evento acontecerá às 08h, com saída em frente a sede da Rede, localizada na rua Quinze de Novembro. Para participar do evento é preciso adquirir a camiseta pelo valor de 15 reais, além de  1 quilo de alimento não perecível. Mais informações podem ser obtidas na sede da Rede ou pelo telefone (67) 3231-3057.

Ações e Compartilhamento
Comentários:

José Mendes: Bom dia. Linda matéria. Texto perfeito. Bacana a galera fazer essa manifestação a respeito de um assunto muito sério. Agradecer as guarnições da Polícia, bombeiros e a guarda municipal. Não só pela segurança mas pelas vezes que eles sempre de pronto atenderam os ciclistas. E hoje além de estarem fazendo segurança também participando e mostrando que o esporte não é individual e sim coletivo.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE