Menu

Fale Conosco Expediente

Corumbá, MS
19 de Novembro de 2017
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Flamengo recorre ao STF contra decisão que declarou Sport campeão de 1987

Agência Brasil em 19 de Outubro de 2017

O Clube de Regatas Flamengo entrou com um recurso no Supremo Tribunal Federal (STF) para tentar reverter decisão de abril da Corte que declarou o Sport Club do Recife o único campeão brasileiro de 1987, encerrando 30 anos de disputa judicial.

Por 3 votos a 1, a maioria da Primeira Turma do STF entendeu que a primeira decisão proferida pela Justiça de Pernambuco, que deu o título ao Sport, transitou em julgado e não poderia ser modificada. No acórdão, ficou estabelecido que o time pernambucano seria o único campeão.

Contra essa decisão, os advogados do Flamengo entraram, ontem (18), com os chamados embargos de declaração, tipo de recurso que, a princípio, poderia somente esclarecer obscuridades e omissões, mas não modificar o resultado final do julgamento.

O time carioca, no entanto, busca rever todo o desfecho da questão no STF, argumentando que houve um equívoco desde o início no julgamento, pois a decisão da Justiça pernambucana garantiria, de fato, o título ao Sport, mas não sua exclusividade, podendo a taça ser compartilhada com o Flamengo sem que nenhuma decisão judicial fosse infringida.

O recurso foi direcionado ao relator do caso, ministro Marco Aurélio Mello, também presidente da Primeira Turma e autor do primeiro voto contra o Flamengo, apesar de ter ressaltado, durante o julgamento, ser rubro-negro.

O título do Campeonato Brasileiro de 1987 sairia de um quadrangular entre os campeões do módulo verde e do módulo amarelo. Vencedor do módulo verde, o Flamengo se recusou a jogar contra o Sport, primeiro colocado do módulo amarelo. Com isso, o time recifense foi declarado campeão pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) pela campanha no torneio.

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE