Menu

Fale Conosco Expediente

Corumbá, MS
23 de Novembro de 2017
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Dia do Soldado é marcado por cerimônia cívico-militar em Corumbá

Lívia Gaertner em 25 de Agosto de 2017

Cerca de 500 homens em formação de tropa ocuparam o pátio do 17º Batalhão de  Fronteira, em Corumbá, onde, na manhã desta sexta-feira, 25 de agosto, ocorreu a cerimônia cívico-militar em comemoração ao Dia do Soldado. Presidida pelo comandante da 18ª Brigada de Infantaria de Fronteira Ricardo Franco, o general André Luiz Ribeiro Campos Allão, a solenidade reuniu autoridades civis e militares de Corumbá - entre elas, o prefeito Ruiter Cunha de Oliveira.

A execução do Hino Nacional abriu a cerimônia que seguiu com a leitura da ordem do dia, assinada pelo comandante do Exército Brasileiro, general Eduardo Dias da Costa Villas Bôas. O texto destacou não apenas os feitos de outrora, mas as ações que o presente demanda com uma força militar cada vez mais presente na sociedade.

“Onde for necessária a presença do Estado Brasileiro, lá estarão os soldados! Do Caburaí ao Chuí, do Acre à Ponta do Seixas. Defendendo nossa soberania, vigiando a fronteira, distribuindo água, abrindo estradas, protegendo índios, preservando o meio ambiente, guardando as riquezas, assistindo a população, garantindo a lei e a ordem ou promovendo a paz em nações irmãs”.

Fotos: Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Cerca de 500 homens participaram de cerimônia no pátio do 17º BFron

Villas Bôas ainda lembrou o difícil momento que o país atravessa com o que classificou como uma crise que “fere gravemente a alma da nossa gente, ameaça nossa própria identidade nacional, deprime-nos o orgulho pátrio e, mais grave, embaça a percepção de nosso projeto de Nação, dispersando-nos em lutas por interesses pessoais e corporativos sobrepostos ao interesse nacional”, porém exaltou a fibra dos militares e da nação brasileira.

“O País, seu povo e seu Exército não sucumbirão ao pessimismo e à desagregação. Somos feitos da mesma têmpera! Temos fé nos valores da democracia, na nossa gente, na resiliência que nos fez vitoriosos tantas vezes e na cordialidade que requer respeito às desigualdades e diferenças”, frisou.

Doze militares foram agraciados com a entrega de honrarias por destacarem-se nos serviços prestados. A eles, foram entregue a Medalha Pacificadora, Medalha de Serviço Amazônico, Medalha Corpo de Tropa e Medalha Marechal Osório, conforme o mérito de cada um no desempenho de suas funções.

“Hoje é momento de grande alegria para nós do Exército Brasileiro, quando comemoramos o Dia do Soldado, reverenciamos os soldados do passado como Duque de Caxias, dentre outros, que, com desprendimento e renúncia pessoal, dedicaram suas vidas à Pátria. É momento de comemorar o soldado de hoje que aqui na fronteira oeste guarda a soberania do nosso país e executa um trabalho silente e responsável na defesa dos nossos interesses nacionais”, observou o general de Brigada André Luiz Ribeiro Campos Allão que, assim como o comandante do Exército Brasileiro, destacou o papel da força armada para a manutenção da estabilidade do país.

Militares foram agraciados com medalhas pelo excelente desempenho de suas funções

“O Brasil vive, hoje, um momento conturbado de crise política e econômica e, nessa mistura involucrada também, uma crise ética. Nesse momento, qual o papel do soldado brasileiro? É o de seguir sua missão amparado pela hierarquia e disciplina, e envolto a valores que nos são mais caros: espírito de sacrifício, senso de dever, abnegação, desprendimento porque só assim vamos manter a estabilidade do país para que saiamos dessa crise melhor do que entramos”, disse.

O general Allão encerrou seu discurso implantando o novo grito de guerra da Brigada que reproduz a inscrição encontrada nas muralhas do Forte de Coimbra, destacamento militar histórico em meio ao Pantanal: “Repelir o inimigo ou sepultar-se debaixo das ruínas do forte”.

“Aqui, na nossa região, o Exército é a sentinela de nossa fronteira oeste. Também, nos proporciona parcerias em ações sociais, que atingem e beneficiam justamente aquela parcela da população que mais necessita desse apoio”, disse o prefeito de Corumbá, Ruiter Cunha de Oliveira ao ressaltar o apoio dos militares ao programa Povo das Águas, executado pela Prefeitura.

“Estreitamos o relacionamento com a parceria no Povo das Águas. O Exército volta a ser parceiro nosso, vai disponibilizar médicos para esse trabalho importante do Município, que visa atender a população ribeirinha que precisa da união desses esforços”, completou.

O Dia do Soldado é uma data comemorativa brasileira celebrada em 25 de agosto. A data homenageia o dia do nascimento de Luís Alves de Lima e Silva, o Duque de Caxias, em 25 de agosto de 1803, patrono do Exército Brasileiro que se tornou conhecido como "o pacificador" após pacificar muitas rebeliões contra o Império.

Corrida no domingo

Ainda dentro da programação em alusão ao Dia do Soldado, no dia 27, domingo, acontecerá a Corrida Duque de Caxias “Soldado e Pacificador”, em parceria com a Fundação de Esportes de Corumbá, com largada às 07h30, do 17° Batalhão de Fronteira. A prova integra o Circuito Funec de Corrida de Rua como segunda etapa da série. A corrida está dividida em três categorias: 10km, 05km e 03km. Uma premiação em dinheiro e troféu serão entregues aos 3 primeiros colocados em cada categoria, tanto no feminino como no masculino. 

Galeria: Dia do Soldado - 2017

Abrir Super Galeria
Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE