Menu

Fale Conosco Expediente

Corumbá, MS
26 de Setembro de 2017
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Justiça Federal libera provas da Lama Asfáltica contra Puccinelli para MPE

Campo Grande News em 20 de Agosto de 2017

A Justiça Federal liberou para o MPE (Ministério Público do Estado) as provas da 4ª fase da operação Lama Asfáltica, realizada neste ano. No mês passado, a promotoria estadual havia requisitado compartilhamento de informações sobre o ex-governador André Puccinelli (PMDB) para instruir procedimento preparatório que apura fazendas em nome de “laranjas”.

Na ocasião, o MPF (Ministério Público Federal) foi a favor do pedido, mas a Justiça solicitou que especificasse quais documentos poderiam ser liberados. Como o MPF não se opôs, agora foi autorizado o compartilhamento de todo o auto, que está sob sigilo. A determinação é de que uma cópia digitalizada seja encaminhada ao gabinete da Procuradoria de Justiça.

A Lama Asfáltica aponta indícios de que o ex-governador tem patrimônio em nome de “laranjas” e que um deles é o pecuarista e ex-coordenador de licitações da Semad (Secretaria Municipal de Administração), Mauro Cavalli.

O patrimônio e as movimentações bancárias feitas por Mauro, que foi conduzido coercitivamente no dia 11 de maio para prestar esclarecimentos à Polícia Federal, foi esmiuçado na investigação. Cavalli comprou vários imóveis, inclusive fazendas, entre 2012 e 2014. Neste período, o acréscimo patrimonial “a descoberto” foi de R$ 4.336.774,39.

A operação teve a primeira fase deflagrada em  2015 e revela esquema de fraudes entre empresas e o governo do Estado na gestão de Puccinelli. Desde então, foram realizadas as fase Fazenda de Lama, Aviões de Lama e Máquinas de Lama.

Ações e Compartilhamento
Entre em contato com o autor
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE