Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
20 de Maio de 2018
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Comitê da Dengue discute continuidade de ações contra o Aedes aegypti

Fonte: Assessoria de Comunicação da PMC em 15 de Agosto de 2017

O Comitê da Dengue discutiu, durante reunião nesta terça-feira, 15 de agosto, o andamento das ações de combate ao mosquito Aedes aegypti – transmissor da dengue, zika vírus e chikungunya. O encontro apresentou um panorama das ações do Município no controle do vetor.

De acordo com o Comitê, o Município desenvolve um plano de ação visando prevenção e controle da dengue, zika vírus e chikungunya. São realizadas ações em casas classificadas em situação crítica para surgimento de focos do mosquito; ações de conscientização e educação em saúde; mutirões em áreas descobertas; além de bloqueios mecânicos e químicos.

Divulgação/PMC

Reunião mensal aconteceu nesta terça-feira

No primeiro semestre de 2017, a área de cobertura com ações de prevenção e combate atingiu os seguintes índices: 76,22% no Ciclo 1 (que corresponde aos meses de janeiro e fevereiro); 65,62% no Ciclo 2 (março e abril) e 81,15% no Ciclo 3 (maio e junho). O Ciclo 4 (julho e agosto), ainda em andamento, já contabiliza cobertura de área de 49,97%. Somente em julho foram visitados 15.038 imóveis.

O último Levantamento de Índice Rápido de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa) apresentou como resultado o índice 3,2% de infestação. Como depósitos predominantes de focos do Aedes estão as caixas d’água em nível do solo (A2), com 78,43% de aparições. O lixo em geral em terrenos e quintais (D2) foi identificado em 3,92% das situações apuradas pelas equipes da Secretaria Municipal de Saúde.

Até a semana 31 – que compreende o período de 30 de julho a 05 de agosto de 2017 – foram notificados 450 casos suspeitos de dengue e 30 confirmados em Corumbá. Na mesma faixa temporal, com relação ao zika vírus, foram notificados 102 casos suspeitos, e 08 casos confirmados. A chikungunya apresentou 70 notificações e 10 confirmações.  

Trabalho constante

Gerente de Vigilância em Saúde, Viviane Ametlla, destacou que o cenário apresentado durante a reunião mensal do Comitê da Dengue mostra que o trabalho do Município na prevenção e controle do mosquito transmissor é constante. “As ações da dengue são rotina, não paramos de trabalhar. São feitas visitas domiciliares com os agentes, borrifação nos bloqueios de casos notificados”, disse.

Viviane antecipou que as equipes já começam a trabalhar pensando nas ações a serem desenvolvidas no próximo verão. “Estamos num momento de reorganizar o Comitê, estruturá-lo e de concluir nosso plano de contingência para o próximo verão, que é o período que chamamos de epidêmico”, concluiu a gerente de Vigilância em Saúde.

O secretário Municipal de Saúde, Rogério Leite, participou da reunião. Ele ressaltou o trabalho integrado entre os órgãos da Administração Municipal e a realização de uma ação conjunta com Forças Armadas e Forças de Segurança Pública para conter o avanço do mosquito Aedes aegypti. “É trabalhar integrado com todas as secretarias, entre todas as gerências e profissionais. A partir de agora, estamos buscando um trabalho conjunto com instituições, como Marinha, Exército, Bombeiros para darmos ênfase às nossas ações”, finalizou.

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE