Menu

Fale Conosco Expediente

Corumbá, MS
19 de Agosto de 2017
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Campeonato de Capoeira da Juventude reuniu mais de 130 atletas

Fonte: Assessoria de Comunicação da PMC em 07 de Agosto de 2017

Divulgação/PMC

Evento reuniu capoeiristas de Corumbá

Realizado no sábado, 05 de agosto, o 1° Campeonato de Capoeira Cidade Branca da Juventude reuniu cerca de 130 participantes nas categorias infantil, infanto-juvenil e adulto. A competição, que contou com atletas no masculino e feminino, foi promovida pela Prefeitura de Corumbá, por meio da Secretaria Especial de Cidadania e Direitos Humanos e Coordenadoria de Políticas para Juventude.

O coordenador de Políticas para a Juventude, Diego Pereira Coelho, destacou a realização do evento. “Foi um grande sucesso, tivemos uma tarde diferente no ginásio poliesportivo Lucílio de Medeiros, com público total de aproximadamente 1.200 pessoas. O evento proporcionou que Corumbá vivesse a cultura da capoeira e sua tradição histórica”, disse.

Seis grupos de capoeira de Corumbá participaram da organização, juntamente com a Coordenadoria de Políticas para Juventude, e da competição. Apoiaram a iniciativa o Grupo Filhos de Jamaica; Capoeira Por do Sol; Grupo de Capoeira Caiçara; Cordão de Ouro Capoeira; Grupo de Capoeira Liberdade dos Negros e Associação Libertos Capoeira.

A capoeira possui três estilos que se diferenciam nos movimentos e no ritmo musical de acompanhamento. O estilo mais antigo, criado na época da escravidão, é a capoeira angola. As principais características deste estilo são: ritmo musical lento, golpes jogados mais baixos (próximos ao solo) e muita malícia. O estilo regional, criado por Mestre Bimba, caracteriza-se pela mistura da malícia da capoeira angola com o jogo rápido de movimentos, ao som do berimbau. Os golpes são rápidos e secos, sendo que as acrobacias não são utilizadas. Já o terceiro tipo de capoeira é o contemporâneo, que une um pouco dos dois primeiros estilos. Este último estilo de capoeira é o mais praticado na atualidade. Porém é importante ressaltar que capoeira é uma só, a Capoeira de Angola, considerada a mãe dos outros estilos e mais próxima da capoeira jogada pelos escravos africanos.

Em 26 de novembro de 2014, a UNESCO (Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura), declarou a roda de capoeira como sendo um patrimônio imaterial da humanidade. De acordo com a organização, a capoeira representa a luta e resistência dos negros brasileiros contra a escravidão durante os períodos colonial e imperial de nossa história. Em 03 de agosto comemora-se o Dia do Capoeirista. Com informações do site suapesquissa.

A classificação final do 1° Campeonato de Capoeira Cidade Branca da Juventude ficou assim definida:

Infanto Juvenil Masculino

1° Bruno (LDN)

2° Matheus (GL)

3° Matheus (LDN)

Infanto Juvenil Feminino

1° Gabriele (PDJ)

2° Patrícia(LDN)

3° Lorraine (LDN)

Infantil Masculino

1° Alício (LDN)

2° Gabriel (FDJ)

3° José(LDN)

Infantil Feminino

1° Sofia (FDJ)

2° Karoline (FDJ)

3° Gabriela (FDJ)

Adulto Masculino

1° Lucídio (PDJ)

2° Rodrigo (LDN)

3° Janderson (LDN)

Adulto Feminino

1° Josieli (LDN)

2° Vanessa (PDJ)

3° Franci (PDJ)

Ações e Compartilhamento
Entre em contato com o autor
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE