Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
17 de Dezembro de 2017
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Ministros exonerados para votação na Câmara retornam aos cargos

Agência Brasil em 03 de Agosto de 2017

Os ministros que foram exonerados para reassumir o mandato de deputado federal e retornar à Câmara para participar da votação de ontem (02) sobre a admissibilidade da denúncia contra o presidente Michel Temer retornaram aos cargos. As nomeações dos dez ministros estão publicadas na edição de hoje (03) do Diário Oficial da União.

As exonerações foram publicadas no Diário Oficial da União de ontem. Na sessão da Câmara, eles votaram pela rejeição da admissibilidade da denúncia contra o presidente pelo suposto crime de corrupção passiva. A maioria dos parlamentares aprovou o relatório do deputado Paulo Abi-Ackel (PSDB-MG), favorável à rejeição da denúncia o que impede que o Supremo Tribunal Federal (STF) investigue Temer.

Os ministros que reassumiram os cargos foram Antonio Imbassahy, chefe da Secretaria de Governo da Presidência da República; José Mendonça Filho, do Ministério da Educação; Bruno Cavalcanti Araújo, do Ministério das Cidades; Fernando Bezerra, do Ministério de Minas e Energia; Osmar Terra, do Ministério do Desenvolvimento Social; Leonardo Picciani, do Ministério do Esporte; José Sarney Filho, do Ministério do Meio Ambiente; Ronaldo Nogueira, do Ministério do Trabalho; Marx Beltrão, do Ministério do Turismo; e Maurício Quintella, do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil.

Esta não foi a primeira vez que ministros retornam ao Congresso para votar em matéria de interesse do governo. Em outubro do ano passado, Temer exonerou dois ministros para que votassem a proposta de emenda à Constituição (PEC) que prevê um teto para os gastos públicos. Em abril deste ano, o presidente usou o mesmo recurso na votação do projeto da reforma trabalhista, que foi aprovada.

Agenda do presidente

Após a agenda intensa de reuniões e compromissos com parlamentares nos últimos dias, o único compromisso do presidente Michel Temer previsto para hoje é um despacho interno pela manhã. A agenda pode sofrer alterações com a inclusão de compromissos ao longo do dia.

Em pronunciamento na noite de ontem, o presidente disse que, com a rejeição da denúncia contra ele na Câmara dos Deputados, seguirá com as reformas e ações que julga necessárias para modernizar e melhorar o país.

 

Saiba mais

20/10/2017 Temer exonera oito ministros para votar contra denúncia na Câmara

19/10/2017 CCJ aprova relatório pela inadmissibilidade de denúncia contra Temer

18/10/2017 CCJ retoma debate sobre parecer de denúncia contra o presidente Temer

16/10/2017 Congresso terá semana com foco em denúncia contra Temer e retorno de Aécio

11/10/2017 Relator vota pela rejeição da denúncia contra Temer e ministros na CCJ

09/10/2017 Câmara começa a analisar nesta semana segunda denúncia contra Temer

22/09/2017 Denúncia contra Temer chega à Câmara e deve começar a tramitar na próxima semana

21/09/2017 STF decide enviar denúncia sobre Temer à Câmara

21/09/2017 Supremo deve concluir hoje julgamento sobre segunda denúncia contra Temer

13/09/2017 STF interrompe julgamento sobre suspensão de eventual denúncia contra Temer

13/09/2017 Por unanimidade, STF rejeita suspeição de Janot para atuar em processos contra Temer

30/08/2017 Ministro Fachin nega pedido de suspeição de Janot para atuar contra Temer

17/08/2017 OAB pede ao STF que obrigue Rodrigo Maia a analisar pedido de impeachment de Temer

03/08/2017 Após rejeição da Câmara, Fachin decidirá futuro da denúncia contra Temer

03/08/2017 Após rejeição de denúncia, Temer diz que segue com ações necessárias para o país

02/08/2017 Câmara rejeita denúncia contra Michel Temer

02/08/2017 Aliados confiam em vitória por mais de 270 votos; oposição admite derrota

02/08/2017 Câmara abre nova Ordem do Dia para votar parecer sobre denúncia contra Temer

02/08/2017 Deputados da oposição desafiam governistas a alcançar quórum para votar denúncia

02/08/2017 Advogado de Temer reafirma que acusação é "capenga e fruto de ficção"

02/08/2017 Câmara inicia sessão para votar parecer de denúncia contra Temer

02/08/2017 Plenário da Câmara deve votar hoje parecer sobre denúncia contra Temer

01/08/2017 Na véspera de votação, Temer diz que irá "recolocar o Brasil nos trilhos"

01/08/2017 Ministros vão reassumir mandato para votar parecer sobre denúncia contra Temer

01/08/2017 Votação de denúncia contra Temer domina debates na volta do recesso parlamentar

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE