Menu

Fale Conosco Expediente

Corumbá, MS
20 de Julho de 2017
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Prefeito pede à Sanesul prioridade em obras para entrega de unidades habitacionais

Fonte: Assessoria de Comunicação da PMC em 19 de Maio de 2017

A presidência da Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul (Sanesul) apresentou para o prefeito Ruiter Cunha de Oliveira, na manhã desta sexta-feira, 19 de maio, o plano de investimentos e o cronograma das ações da concessionária para Corumbá. Ruiter destacou a preocupação com o abastecimento de água da parte alta da cidade. A diretoria informou que essa questão será completamente resolvida a partir de janeiro de 2018.

Clóvis Neto/PMC

Reunião aconteceu na manhã desta sexta-feira no gabinete do prefeito

Os investimentos realizados pela Sanesul na cidade superam chegam a R$ 68 milhões nas redes de água e esgoto e a conclusão vai garantir funcionamento do sistema – a contento – para os próximos 30 anos.  A empresa está duplicando a adutora de água bruta do rio Paraguai e a capacidade de tratamento que, hoje, é de 1,4 mil metros cúbicos por hora vai passar para 2,8 mil metros cúbicos por hora.

Estão em implantação dois reservatórios com capacidade de armazenamento de 5 mil metros cúbicos (5 milhões de litros). Atualmente, a capacidade é de armazenamento em toda a cidade de 7 mil metros cúbicos (7 milhões de litros). A Sanesul também implanta 26 quilômetros de rede de distribuição. Até o final do ano a empresa espera colocar em operação seis pequenas elevatórias.

“São investimentos da ordem de R$ 35 milhões somente na parte de água. São dois projetos, um na captação de água bruta do rio Paraguai, duplicamos a adutora e estamos aumentando a capacidade de tratamento em 50%. A outra parte é de reservação, distribuição e implantação de anel de reforço na cidade. O abastecimento de água na parte alta de Corumbá estará resolvido até 2018. Temos o compromisso, da empresa que faz as obras, de em janeiro de 2018 nos entregar. Aí, imediatamente, começamos a bombear água e assim sanar esse problema antigo da parte alta da cidade”, disse o diretor-presidente da Sanesul, Luiz Carlos da Rocha Lima.

De acordo com a Sanesul, Corumbá tem 389 quilômetros de rede de distribuição de água e 203 quilômetros de rede coletora de esgoto. São 34 mil ligações na cidade, atendendo 97 mil pessoas. Outras 15 mil ligações de esgoto atendem 58 mil pessoas.

Rocha Lima informou ao prefeito que mesmo com o abastecimento de água da parte alta da cidade sendo solucionado no começo do ano que vem, a Sanesul já finaliza os detalhes das redes de água e esgoto nas regiões onde o Município implantou conjuntos habitacionais.

“Uma das nossas preocupações é justamente acelerar a entrega das unidades habitacionais à população beneficiada. Com a Sanesul ultimando os procedimentos, temos um cronograma a partir de julho, adentrando no período do aniversário da cidade, para fazer a entrega de todas as unidades habitacionais. Também, já tratando da ampliação de novos investimentos importantes para o município, principalmente no que se refere ao abastecimento de água”, declarou o prefeito Ruiter Cunha de Oliveira.

Participaram da reunião o diretor de Engenharia e Meio Ambiente da Sanesul, José Carlos Queiroz; o diretor Comercial e de Operações, Onofre Assis de Souza; o gerente regional da Sanesul em Corumbá, Eduardo Duque, o assessor da presidência da Sanesul, Edgar Bento e o secretário Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos, Ricardo Ametlla.

Ações e Compartilhamento
Entre em contato com o autor
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE