Menu

Fale Conosco Expediente

Corumbá, MS
23 de Julho de 2017
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

PRF inicia nova fase da Operação Cáucaso no sul do Estado

Da Redação em 08 de Maio de 2017

Divulgação/PRF

Operação Cáucaso não tem data para encerrar

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) deflagrou no dia 1º de maio, a Operação Cáucaso de Combate ao Crime na Fronteira (Sul) do Estado deo Mato Grosso do Sul, para continuidade dos resultados em apreensões de ilícitos que tenham origem e destino a região. Em todo país a PRF desenvolve ações voltadas à repressão do contrabando, tráfico de armas, tráfico de drogas e demais crimes fronteiriços. As ações desenvolvidas pelo órgão representaram apreensões de toneladas de ilícitos e milhares de prisões no ano de 2016 e nos primeiros quatro meses de 2017.

O combate ao crime resultou em elevado número de apreensões de ilícitos e prisões no ano 2016 em todo país. No Mato Grosso do Sul a Polícia Rodoviária Federal interceptou: 120 Toneladas de Drogas (Maconha, Cocaína, Crack e Haxixe); mais de 845 Veículos apreendidos, adulterados e recuperados; mais de 20 milhões de maços de cigarros contrabandeados. 828 pessoas foram presas por crimes relacionados ao tráfico e contrabando no Estado, somente no ano de 2016. O número total de pessoas presas foi de 2.501 por crimes diversos.

Último levantamento aponta que as ações do órgão no Estado em 2017 já resultou na apreensão de: mais de 44 toneladas de drogas; mais de 596 veículos apreendidos, adulterados e recuperados. Ações de repressão ao contrabando de cigarros notoriamente destacou-se e já alcançou 14 milhões de maços apreendidos. 

Os resultados obtidos no Mato Grosso do Sul estão relacionados ao planejamento da PRF na extensa faixa de fronteira. A região Sul do Estado está ligada ao elevado número de prisões e apreensões de drogas, carros roubados e especialmente cigarros contrabandeados que abasteceriam várias regiões do país, sendo também região de disputas entre quadrilhas e enfrentamentos às Forças de Segurança, contextualizando o nome da Operação por desenvolver-se em região de instabilidade e disputas constantes.

A Operação Cáucaso representa a continuidade das ações da Polícia Rodoviária Federal na Repressão ao Crime e não tem data para encerrar. Nesta segunda-feira (08) uma nova fase foi implementada dentro da Operação, com integração de outras Forças de Segurança Pública na região. 

A Polícia Rodoviária Federal deslocou para a região policiais de Grupos de Patrulhamento Tático, Operações Especiais, Divisão de Operações Aéreas (aeronave Bell 407), Policiamento com Motocicletas, Projeto SAPRP (aeronaves policiais remotamente pilotadas - drones), além de viaturas e equipamentos de eficiência policial. As regiões das Delegacias da PRF em Dourados e Naviraí foram contempladas pela Operação, entretanto as ações de enfrentamento ao crime ocorrem em todo o Estado, em razão da readequação do crime frente às ações repressivas. As informações são da assessoria de imprensa da PRF

Ações e Compartilhamento
Entre em contato com o autor
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE