Menu

Fale Conosco Expediente

Corumbá, MS
20 de Outubro de 2017
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Ações vão coibir venda de ingressos por cambistas neste domingo

Fonte: Assessoria de Comunicação da PMC em 06 de Maio de 2017

Clóvis Neto/PMC

Policiais estarão à paisana para inibir a venda irregular de ingressos

A Prefeitura de Corumbá vai adotar medidas contra a venda irregular de ingressos do jogo entre Corumbaense e Novo, marcado para  domingo, 07 de maio. A diretriz do prefeito Ruiter Cunha de Oliveira é que os preços permaneçam populares, entre R$ 10 e R$ 20, para que a população corumbaense possa assistir a essa partida histórica. Ele destacou, durante reunião em seu gabinete, na manhã de sexta-feira, 05 de maio, que policiais à paisana vão realizar a fiscalização para coibir o comércio irregular de ingressos.

“Se pegarem essas pessoas vendendo, será aberto um processo de investigação criminal e os ingressos recolhidos serão devolvidos à bilheteria para serem então vendidos pelo preço normal. A segurança vai montar estratégia de polícia à paisana, de inteligência da polícia para investigar isso”, afirmou o prefeito Ruiter Cunha. Isso será possível através de parceria entre o Município, a Polícia Militar e Polícia Civil.

A prática do cambismo é crime previsto no Estatuto do Torcedor. O Artigo 41, alínea F, da Lei Federal 10.671, informa que vender ingressos de evento esportivo por preço superior ao estampado no bilhete pode gerar pena de reclusão de um a dois anos e multa.

“A prática dos cambistas é crime previsto em lei, todo mundo sabe disso, e nós já estamos fazendo levantamento de pessoas que estão vendendo esses ingressos pela internet a valores muito acima do estipulado, que é de dez e vinte reais. O Município está trabalhando através da Guarda Municipal em conjunto com Polícia Militar e Polícia Civil”, afirmou Jorge de Castro, diretor da Agência Municipal de Segurança Pública.

De acordo com ele, o clube garantiu que foram vendidos até cinco ingressos por pessoa nos últimos lotes. No dia do jogo, a investigação da prática ilegal vai continuar com agentes de segurança descaracterizados, a fim de flagrar possíveis criminosos.

Ações e Compartilhamento
Entre em contato com o autor
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE