Menu

Fale Conosco Expediente

Corumbá, MS
28 de Junho de 2017
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Fifa aceita recurso e suspende punição a Messi por insulto

Terra Esportes em 05 de Maio de 2017

O Comitê de Apelação da Fifa decidiu retirar a suspensão de quatro jogos imposta a Lionel Messi, atacante da seleção de Argentina, pela Comissão Disciplinar.

O jogador do Barcelona foi punido por ter insultado o árbitro assistente brasileiro Emerson Augusto de Carvalho na vitória da Argentina sobre o Chile por 1 a 0, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, no dia 23 de março.

A Fifa informou em comunicado emitido nesta sexta-feira que a Comissão de Apelação acatou o recurso apresentado pela Associação do Futebol Argentino (AFA) em nome de Messi contra a decisão da Comissão Disciplinar da Fifa; "em consequência, está suspensa a punição que foi imposta".

"Após a audiência que aconteceu em Zurique no último dia 4 de maio, a Comissão de Apelação rejeitou a decisão emitida pela Comissão Disciplinar em 28 de março de 2017, mediante a qual, em aplicação do artigo 77 do Código Disciplinar da Fifa (CDF), Lionel Messi foi declarado culpado de infringir o artigo 57 do CDF ao pronunciar palavras injuriosas contra um árbitro assistente", indica.

"Apesar da Comissão de Apelação da Fifa considerar reprovável a conduta do jogador Lionel Messi em tal incidente, a mesma determinou, por sua vez, que as evidências disponíveis não eram provas suficientes segundo os padrões adequados - ou seja, de maneira completamente satisfatória para os membros da Comissão de Apelação - a aplicabilidade do art. 77 do CDF, que permite à Comissão Disciplinar punir as faltas graves que não foram advertidas pelos árbitros da partida", assegura.

O comunicado acrescenta que "o respeito aos árbitros é essencial e deve ser uma constante no futebol, e qualquer atitude contrária ao jogo limpo ou à esportividade deve ser rejeitada".

"Em virtude de tal decisão, foi retirada tanto a suspensão que entrou em vigor em 28 de março quanto a multa de 10 mil francos suíços imposta a Lionel Messi", conclui a nota da Fifa.

Messi cumpriu o primeiro jogo de suspensão na derrota da Argentina para a Bolívia por 2 a 0 no dia 28 de março, o que a deixa a seleção 'Albiceleste' na quinta colocação nas Eliminatórias com 22 pontos, atrás de Brasil (33), Colômbia (24), Uruguai (23) e Chile (23).

A quatro rodadas do fim da competição, a Argentina ocupa a posição que a leva à repescagem contra o campeão das Eliminatórias da Oceania para uma vaga na Copa do Mundo de 2018.

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE