Menu
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Voltando de SP, torcedores bolivianos têm festa contida pela polícia

Campo Grande News em 18 de Março de 2017

Kisie Ainoã/CG News

Policias revistaram o veículo, mas não encontraram nada ilícito

Torcedores do clube Jorge Wilstermann, da Bolívia, quase foram parar na delegacia na tarde de sexta-feira (17), em Campo Grande. O ônibus da empresa Danny Tur, fretado por torcedores do clube que enfrentou o Palmeiras na quarta-feira (15), pela Libertadores, em São Paulo (SP), foi abordado pela polícia em frente ao terminal Hércules Maymone, na Rua Joaquim Murtinho.

Foi o próprio motorista do ônibus quem chamou os policiais, sob a justificativa de que os passageiros estavam “fazendo algazarra e usando drogas” dentro do veículo. Policiais do Batalhão de Choque da Polícia Militar revistaram os 37 torcedores. No entanto, não encontraram nenhum produto ilícito, e eles acabaram liberados para seguir viagem. A abordagem durou cerca de 20 minutos e chamou a atenção de quem passava pelo local.

O motorista, que pediu para não ser identificado, afirmou ao Campo Grande News que saiu de São Paulo e tinha como destino Corumbá. O time é da cidade de Cochabamba, na Bolívia, distante 2,5 mil quilômetros da capital paulista.

O Palmeiras venceu o Jorge Wilstermann por 1 a 0, em São Paulo, na quarta-feira, com gol do zagueiro Mina, aos 50 minutos do segundo tempo. O resultado colocou o alviverde na primeira posição do Grupo 5 da Libertadores. O Jorge Wilstermann atualmente disputa a Liga de Futebol Profissional Boliviano. Suas cores são vermelho, azul e branco.

Ações e Compartilhamento
Entre em contato com o autor
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE