Menu

Fale Conosco Expediente

Corumbá, MS
27 de Abril de 2017
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Coronel Waldir Acosta é o primeiro "praça" a comandar a PM de MS

Notícias MS em 16 de Fevereiro de 2017

Chico Ribeiro/Governo do Estado

Governador entre o ex-comandante da PM, coronel Jorge Edgar e seu substituto, o coronel Waldir Acosta

A valorização do policial militar foi destaque no discurso do governador Reinaldo Azambuja, nesta quinta-feira (16), durante cerimônia de passagem de comando da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul. O coronel Waldir Ribeiro Acosta assumiu o maior posto da PM no lugar do coronel Jorge Edgar Júdice Teixeira, que entrou para a reserva.

Reinaldo classificou o servidor militar como “patrimônio” do Estado e enfatizou ações de governo que contribuíram para a valorização funcional da categoria. “O governo fez concurso e incorporou 937 novos soldados, promoveu curso de formação, aperfeiçoamento, habilitação e especialização para 3.879 policiais. Houve promoções para 2.763 militares. O governo abriu curso de formação de sargentos com 160 participantes e está sendo aberto agora curso de habilitação de oficiais, com 50 vagas”, pontuou.

Ao afirmar que a valorização militar continuará sendo objeto do governo, Reinaldo salientou investimentos na segurança pública. “Apesar da crise que há dois anos vem limitando nossas ações, estamos investindo R$ 110 milhões no aparelhamento da Polícia Militar, Polícia Civil e Bombeiros, com a compra de viaturas, equipamentos de proteção, armamentos e munição”, disse em referência ao programa “MS Mais Seguro”.

Segundo o secretário de Justiça e Segurança Pública José Carlos Barbosa, o investimento milionário torna Mato Grosso do Sul um dos estados brasileiros que mais investe em segurança, contribuindo para a preservação da ordem pública e a proteção das pessoas. “Mato Grosso do Sul é um dos únicos que investem mais de R$ 110 milhões”, garantiu. Entre as entregas feitas pelo “MS Mais Seguro” estão viaturas, armas, coletes e outros equipamentos de trabalho.

Passagem de Comando

A passagem de comando da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul marcou a ascensão profissional do coronel Waldir Ribeiro Acosta, que entrou na polícia na década de 1980 como sargento. Dessa forma, Acosta é o primeiro “praça” a comandar a corporação no Estado. “Isso representa a meritocracia no governo, é o reconhecimento de uma vida de trabalho e de dedicação”, considerou o secretário Barbosa.

Acosta assumiu o cargo ocupado até então pelo coronel Júdice, que esteve à frente da Polícia Militar por quase um ano. O coronel frisou as conquistas registradas nesse período. “Nos harmonizamos para corrigir distorções. Houve uma revolução na valorização da tropa que resultou na melhora da autoestima e eficiência profissional”, comentou.

Ações e Compartilhamento
Entre em contato com o autor
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE