Menu
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Animação japonesa e filme brasileiro são atrações do Sesc Corumbá

Caline Galvão em 20 de Janeiro de 2017

A programação infantil prossegue firme este ano no Sesc Corumbá. O Cine Clubinho, que exibe filmes infantis aos sábados, vai ter apresentação extra às quintas-feiras. Ontem, dia 19 de janeiro, foi a primeira. Foi exibida a animação japonesa “O conto da princesa Kaguya”, às 17h. Os pais devem comparecer com uma hora de antecedência para conseguir ingressos, já que são apenas 12 vagas. O ingresso é válido para quinta e sábado. No sábado (21), a mesma animação será exibida também às 17h.  

A animação conta a história de Kaguya, encontrada dentro de um tronco de bambu brilhante. Ela se transforma em uma bela jovem que passa a ser cobiçada por vários nobres, dentre eles, o próprio Imperador. Mas nenhum deles é o que ela realmente quer e por isso terá que enfrentar seu destino e punição por suas escolhas. 

Divulgação

Animação japonesa levou 08 prêmios de festivais de cinema em todo o mundo

A animação japonesa foi indicada ao Oscar de melhor filme de animação em 2015. Foi indicado a 27 prêmios de cinema em todo o mundo dos quais levou oito. Sua primeira semana de estreia no Japão rendeu mais de 2,8 milhões de dólares.

Já para os adultos, a programação conta com o cinema nacional. O filme “A história da eternidade”, do produtor pernambucano Camilo Cavalcante, também responsável pelo roteiro, conta a história de três mulheres de diferentes gerações no sertão do Nordeste. De acordo com a crítica do Cineweb, a “eternidade” do título talvez se refira à disputa entre o avanço que tenta chegar tirando tudo do caminho, e o arcaico, cujas raízes fixas impedem o progresso. Ao mesmo tempo, também é sobre homens e mulheres, os anseios, medos e desejos que os movem.

No Festival de Paulínia, de 2014, arrebatou os cinco principais prêmios: filme, diretor (Camilo Cavalcante), ator (Irandhir Santos), atriz (dividido entre Marcélia Cartaxo, Zezita Matos e Débora Ingrid) e o prêmio da Associação Brasileira de Críticos de Cinema, a Abraccine. O longa também levou o prêmio de público, na Mostra de São Paulo de 2014, entre outros.

Divulgação

Exposição “Retratos de Manoel” tem como objetivo aproximar o público da vida do poeta Manoel de Barros

Exposição “Retratos de Manoel” pode ser conferida até o dia 1º de fevereiro

No Sesc Corumbá, o público pode conferir, desde o dia 18 de janeiro, a exposição “Retratos de Manoel”. O evento apresenta fotografias do poeta Manoel de Barros e de ser alter ego, Bernardo. A visitação pode ser feita das 13h às 22h até o dia 1º de fevereiro. Ao longo deste ano, a unidade dará continuidade às ações em homenagem ao centenário do poeta. Isso porque neste ano, o primeiro livro de Manoel, intitulado "Poemas concebidos sem pecado" completa oito décadas.

A proposta é aproximar o público do poeta mostrando seu jeito simples de viver e seu cotidiano. “Além disso, o Sesc traz um pequeno retratinho não meramente fotográficos do autor, mas de suas intimidades com palavras através de textinhos, bilhetes, dedicatórias e familiares e amigos próximos, externando a alma lírica e, como podemos ver na exposição, cotidiana, desse que é considerado o maior poeta da literatura brasileira contemporânea”, diz a gerente da unidade, Thayná Cambará. A exposição acontece na sede da 13 de Junho.

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE