Menu
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Produtora do Rio Grande do Sul realiza espetáculo teatral gratuito em Corumbá

Da Redação em 12 de Janeiro de 2017

Júlio Appel/Divulgação

Público pode conferir apresentação neste sábado, às 20h, na sede da Oficina de Dança

A Humanitas Arte e Cultura, do Rio Grande do Sul, desembarca em Mato Grosso do Sul e nos países vizinhos Bolívia e Paraguai neste mês de janeiro com o espetáculo ‘Patas Arriba’. A primeira apresentação desta circulação acontece em Puerto Suárez no dia 13, às 18 horas. Já no dia 14, o espetáculo chega a Corumbá, às 20 horas, na sede da Oficina de Dança, localizada na rua Antônio João, centro. Nas duas apresentações a entrada é gratuita.

Em Corumbá, também no dia 14, será realizado ainda o ‘Workshop de Dança de Rua e Dança Contemporânea’, das 14h às 16 horas, na sede da Oficina de Dança. A inscrição é gratuita e deve ser realizada no dia e local do workshop.

Através da literatura de Galeano, autor contemporâneo, um dos mais célebres de toda a América Latina, surge a inspiração para um trabalho coreográfico engajado no questionamento de uma sociedade controversa e na poética da simplicidade dos meios de vida.

Em ‘Patas Arriba’ Galeano revela um mundo de desigualdades sociais e contradições nas relações impostas por diferentes formas de poderes, mas ao final da obra convida o leitor a um “voo”, a usufruir do “direito ao delírio”. A mensagem de Galeano, então, revela uma verdade contundente ao passo que promove uma possibilidade de reação, pois para o próprio autor “a primeira condição para modificar a realidade consiste em conhecê-la”.

É no “direito ao delírio” proposto em ‘Patas Arriba’, que o coreógrafo Rui Moreira buscou elementos para a composição coreográfica do espetáculo, que teve estreia em dezembro de 2014 em Porto Alegre/RS e, em Caxias do Sul/RS, em janeiro de 2015. Esta criação foi realizada com recursos do Prêmio Funarte de Dança Klauss Vianna 2013.

Dando continuidade ao trabalho, a produtora Humanitas Arte e Cultura propôs e foi agraciada uma vez mais com o Prêmio Funarte de Dança Klauss Vianna 2015 – para promover a circulação do espetáculo ‘Patas Arriba’ com o projeto Fronteiras Imaginárias, pelas Regiões Centro-Oeste e Sul do Brasil, em cidades-gêmeas e da faixa de fronteira com Bolívia, Paraguai, Argentina e Uruguai. A circulação abrange cidades nos estados de Mato Grosso do Sul, Paraná e Rio Grande do Sul.

A criação de Rui Moreira é a um só tempo fator que legitima qualidade artística ao projeto por sua reconhecida trajetória e que promove a integração cultural entre o Brasil e os países vizinhos, a partir da obra de Eduardo Galeano.

Foi a literatura de Galeano, autor contemporâneo, um dos mais célebres de toda a América Latina, que inspirou a obra de dança contemporânea, engajada em questionamentos sociais. Eduardo Galeano (1940-2015), escritor e jornalista uruguaio, deixou como legado obras que exercem profunda influência no pensamento político e social latino-americano.

Em ‘Patas Arriba’Rui Moreira teve um minucioso trabalho de pesquisa e uma longa jornada de ensaios e experimentações para expressar um mundo de “pernas pro ar” através da dança contemporânea. O resultado é uma poética homenagem da dança à obra literária de Galeano. Com informações da assessoria de imprensa.

Ações e Compartilhamento
Entre em contato com o autor
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE