Menu

Fale Conosco Expediente

Corumbá, MS
20 de Novembro de 2017
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Decreto fixa valores de diárias para servidores do Executivo ladarense

em 12 de Janeiro de 2017

Decreto número 3.237/2017 do prefeito Carlos Ruso, publicado na edição de quarta-feira, 11 de dezembro, do Diário Oficial dos Municípios do Estado do Mato Grosso do Sul, fixa os valores das diárias na Prefeitura de Ladário.

A determinação, assinada em 02 de janeiro, altera decreto anterior (nº 1.666/2010). Foram estabelecidos valores de diárias – de acordo com o cargo – para viagens no Estado e também fora de Mato Grosso Sul. As diárias para fora do Estado têm valores maiores.

Ricardo Albertoni/ Diário Corumbaense

Prefeitura estabeleceu os procedimentos para a solicitação, concessão e prestação de contas das diárias no Executivo ladarense

Em viagem de trabalho, representando o Município, as diárias para prefeito e vice-prefeito são de R$ 800 para viagens dentro do Estado e de R$ 1 mil para fora de Mato Grosso do Sul. Por sua vez, secretários municipais; secretário especial; advogado geral e controlador geral as diárias terão valores de R$ 600 e 700 reais.

Para superintendente; chefe de Gabinete; assessor executivo I; diretor-presidente e assessor executivo II, os valores estabelecidos são de R$ 490 e R$ 570. Para os demais funcionários – inclusive com cargos de provimento em comissão – as diárias previstas são de R$ 300 e 400 reais.

O prefeito Carlos Ruso (PSDB) também estabeleceu os procedimentos para a solicitação, concessão e prestação de contas das diárias no Executivo ladarense. Instrução normativa, editada pela Secretaria Municipal de Finanças e Planejamento, determina que após a viagem, o servidor prestará contas em até no máximo três dias úteis. Deverá anexar relatório de viagem, além de cópias de documentos que atestem a viagem a interesse do município. Não será concedida diária ao servidor com pendências nas prestações de contas dos valores anteriormente recebidos.

As diárias serão concedidas por dia de afastamento da sede (Ladário). O servidor fará jus somente à metade do valor da diária quando o deslocamento não exigir pernoite fora da sede; no dia de retorno à sede; quando a alimentação ou hospedagem for custeada por outras Instituições Governamentais ou Não Governamentais e que não resulte em ônus para o servidor; quando o servidor ficar hospedado em imóvel pertencente à União ou que esteja sob administração do Governo brasileiro ou de suas entidades.

As viagens internacionais devem ser expressamente autorizadas pelo prefeito. O processo de concessão de diárias para viagens segue os mesmos procedimentos definidos para as viagens em território nacional. O valor de diárias internacionais será estabelecido tomando-se por base a conversão da diária fixada no decreto que estabelece os valores das diárias em dólares norte-americanos ou na moeda do país de destino, permanecendo a de maior valor. Decreto número 3.259/2017 aprovou a Instrução Normativa.

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE