Menu
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Primeiro corumbaense ordenado bispo é homenageado pelo Executivo Municipal

Da Redação em 05 de Janeiro de 2017

O primeiro sul-mato-grossense e corumbaense ordenado para o bispado, Dom Edmilson Tadeu Canavarros dos Santos, foi homenageado pelo Poder Executivo municipal na noite de quarta-feira, 04 de janeiro. Durante missa celebrada por ele na Igreja Nossa Senhora Auxiliadora, o bispo auxiliar de Manaus-AM recebeu das mãos do prefeito Ruiter Cunha de Oliveira o título de Hóspede de Honra do Município de Corumbá.

Renê Márcio Carneiro/PMC

Dom Edmilson é o primeiro corumbaense ordenado bispo

O decreto nº 1.736 foi publicado no Diário Oficial de Corumbá (edição nº 1097, quarta-feira, 04 de Janeiro de 2017) e lido durante a missa, reconhecendo o fato inédito na história de Corumbá e mesmo do estado. A nomeação episcopal do então monsenhor ocorreu no dia 12 de outubro de 2016 pelo Papa Francisco, seguida da ordenação realizada no dia 12 de dezembro por Dom Sérgio Eduardo Castriani, arcebispo metropolitano de Manaus.

“A administração municipal fez questão de reconhecer institucionalmente a importância e relevância histórica dessa ordenação episcopal, que certamente enche de orgulho e alegra toda a comunidade corumbaense”, afirmou Ruiter, desejando ao bispo imenso sucesso na tarefa de evangelizar a cidade de Manaus, que apresenta muitas semelhanças com Corumbá.

O decreto que declara Dom Edmilson Tadeu Hóspede de Honra de Corumbá simboliza, conforme o prefeito, um reconhecimento tanto à sua conquista pessoal quanto ao seu trabalho por uma sociedade mais justa, solidária e cristã. “Reconhecemos, sobretudo, os relevantes serviços prestados ao longo de sua jornada nas áreas religiosa, educativa e social, desde o início de sua vida sacerdotal”, acrescentou.

Ao agradecer a homenagem e o apoio da família, o bispo fez questão de expressar a alegria em retornar a Corumbá e, principalmente, à casa salesiana onde iniciou sua vida católica e sacerdotal. Com relação à sua missão, Dom Edmilson Tadeu afirmou já se sentir muito à vontade na nova cidade, cujas peculiaridades o encorajam a trabalhar por um mundo melhor, mesmo tão distante da terra natal. Com informações da assessoria de comunicação da PMC.

Ações e Compartilhamento
Entre em contato com o autor
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE