Menu

Fale Conosco Expediente

Corumbá, MS
30 de Maio de 2017
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Prazo de registro da vacinação contra febre aftosa no Planalto encerra hoje

Notícias MS em 16 de Junho de 2016

O prazo previsto no calendário oficial da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro) para realização do registro da vacinação obrigatória da região do Planalto contra a febre aftosa, em Mato Grosso do Sul, encerra nesta quinta-feira (16).

Segundo o diretor-presidente da Iagro, Luciano Chiochetta, os números registrados no sistema até o momento ainda diferem da quantidade de doses da vacina adquiridas nas lojas agropecuárias. “Os produtores adquiriram as doses, certamente procederam com a vacinação, mas ainda não acessaram o sistema SANIAGRO para registrar a quantidade de animais vacinados”.

Dos 16,6 milhões de animais da região do planalto, até o momento, 15,785 tiveram a vacinação registrada, ou seja, 95,13%. Luciano lembra que a não inclusão dos dados no sistema da Iagro dentro do prazo, pode fazer com que os números desta vacinação não alcancem os 99,4% obtidos na última campanha, que colocaram Mato Grosso do Sul em terceiro lugar no ranking da eficiência vacinal do País. O procedimento para registro, segundo ele, é considerado simples e leva apenas alguns minutos.

O pecuarista que não registrar a vacinação dentro do prazo ainda está sujeito à multa que corresponde a 1 (uma) UFERMS – Unidade Fiscal Estadual de Referência de Mato Grosso do Sul – por animal. A unidade teve seu valor estabelecido para o mês de junho em R$ R$ 23,63.

Vacinação

A vacinação contra a febre aftosa na região do Pantanal também será encerrada nesta quinta-feira. O registro dos animais vacinados nesta região vai até o dia 1º de julho.

Regiões

A região de Fronteira, antiga ZAV (Zona de Alta Vigilância), é o território vizinho à Bolívia e Paraguai, composto pelos municípios de Antônio João, Mundo Novo, Japorã e parte dos municípios de Aral Moreira, Bela Vista, Caracol, Coronel Sapucaia, Corumbá, Ladário, Paranhos, Ponta Porã, Porto Murtinho e Sete Quedas.

A do Pantanal é formada pelas áreas inundáveis de Corumbá, Ladário e em parte dos municípios de Coxim, Miranda, Aquidauana, Porto Murtinho e Rio Verde de Mato Grosso. Já a região do Planalto é formada pelos demais municípios fora das regiões citadas, onde não há inundação nos períodos chuvosos.

A Iagro mantém escritórios em todos os municípios e disponibiliza também aos produtores o disque-aftosa – 0800 679 120 – para esclarecer dúvidas e oferecer orientações.

Ações e Compartilhamento
Entre em contato com o autor
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE