Menu

Fale Conosco Expediente

Corumbá, MS
30 de Maio de 2017
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Município implanta poços artesianos em assentamentos de Corumbá

Da Redação em 31 de Maio de 2016

A Prefeitura de Corumbá concluiu, neste mês, a instalação completa de quatro poços artesianos nos assentamentos da região. Os equipamentos, todos adquiridos com recursos próprios do Município, foram alojados no Paiolzinho, Taquaral e no São Gabriel.

 “Nenhum desses assentamentos é emancipado pelo Incra. Isso significa que a obrigação de dar suporte a essas famílias é do Governo Federal, mas todos sabemos que isso não ocorre na prática. Por isso o prefeito Paulo Duarte investe em toda zona rural da cidade e dá melhores condições para esses pequenos produtores”, afirmou o secretário municipal de Produção Rural, Pedro Lacerda.

“Todo o material utilizado nesses locais é completo, com bombas automatizadas, quadros de energia modernos, inclusive mais econômicos, e com canos indutores inoxidáveis”, detalhou Lacerda. De 2013 até hoje, segundo o secretário, já foram instaladas 12 bombas nos assentamentos da cidade e mais de mil metros de novas tubulações.

Fotos: Renê Márcio Carneiro/PMC

Equipamentos, adquiridos com recursos próprios do Município, foram alojados no Paiolzinho, Taquaral e no São Gabriel

Só no São Gabriel, a capacidade de vazão de água mais que dobrou nos últimos três anos. “Em 2013 os produtores do local tiravam uma média de 48 a 50 metros cúbicos por hora. No final daquele mesmo ano a Prefeitura elevou essa quantidade 78 mil metros cúbicos. Agora, com as duas novas bombas instaladas lá, passamos para uma média de 110 a 115 mil litros”, completou o secretário de Produção Rural.

As duas bombas instaladas no São Gabriel vão atender a parte baixa e a parte alta do assentamento. A que foi colocada no Paiolzinho tem capacidade para abastecer as duas grandes caixas existentes na região, enquanto a do Taquaral, instalada em um poço novo, produz até 20 mil litros de água por hora.

“Além de trabalhar para resolver esse problema da água, também temos em pleno funcionamento o PAA (Programa de Aquisição de Alimentos) onde compramos grande parte da produção desses assentamentos, distribuímos entre várias entidades e fazemos a manutenção constante de todas as estradas vicinais. De 2013 até agora já recuperamos mais 500 quilômetros de estradas, uma ação constante em toda a zona rural”, prosseguiu Pedro Lacerda.

Já foram instaladas 12 bombas nos assentamentos da cidade e mais de mil metros de novas tubulações

“Estamos agora recuperando, com maquinário próprio da Secretaria de Produção Rural, o acesso da BR-262 até a região de Forte de Coimbra. É uma estrada feita há muitos anos e que nunca tinha recebido nenhuma ação do Poder Público. Fizemos uma parceria com os produtores da região e estamos arrumando um trecho de quase 15 quilômetros danificados pela cheia do rio”, concluiu. Com informações da assessoria de comunicação da PMC.

Ações e Compartilhamento
Entre em contato com o autor
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE