Menu

Fale Conosco Expediente

Corumbá, MS
22 de Julho de 2017
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Operadoras de turismo em Corumbá recebem treinamento para a Adventure Week

Caline Galvão em 08 de Janeiro de 2016

Agentes de turismo participaram do Treinamento de Comercialização e Roteirização de Ecoturismo e Turismo de Aventura, realizado na quinta-feira (07) no auditório da sede da Fundação de Turismo do Pantanal. A capacitação foi feita pela representante na América Latina da Adventure Travel Trade Association (ATTA), Gabriella Zampolli de Assis. O objetivo foi preparar os profissionais para receber a primeira edição da Adventure Week no Brasil, que acontecerá em Corumbá e Bonito, de 02 a 11 de abril.  

Ricardo Albertoni/Diário Corumbaense

O objetivo foi preparar os profissionais para receber a primeira edição da Adventure Week no Brasil, que acontecerá em abril

 De acordo com Hélènemarie Dias Fernandes, diretora-presidente da Fundação de Turismo do Pantanal, o evento serviu para a ATTA apresentar o mercado do turismo de aventura, o quanto ele é rentável no Brasil e no mundo, como a potencialidade brasileira natural pode crescer e como Bonito e o Pantanal são atrativos para o mundo.

“A gente veio para discutir os aspectos e aprender mais de como vender, como comercializar e como entender o mercado internacional, que esse é o grande sonho do turismo de Corumbá, agora cada vez mais internacionalizar o mercado turístico e transformar a cidade na grande referência de Pantanal brasileiro”, explicou Hélènemarie.

A Adventure Week é uma semana de rodada de negócios relacionada ao setor de turismo onde operadoras estrangeiras de turismo são convidadas a participar, a fim de conhecer a cidade sede do evento e divulgar, no exterior, as potencialidades turísticas do local. Além disso, as operadoras estrangeiras irão negociar com operadores de Corumbá e já sairão da cidade com pacotes comprados. Pela primeira vez no Brasil, a semana de negócios acontecerá em Corumbá e Bonito, mas já ocorreu em países concorrentes como Chile, Equador e México.

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Objetivo da Adventure Week é promover o pantanal internacionalmente através de operadoras estrangeiras de turismo Treinamento

O evento é organizado pela ATTA, associação mundial de turismo de aventura que tem associados que são membros, operadores, agentes. O Brasil já é associado como destino turístico e Bonito é a cidade brasileira também associada à ATTA. A associação conta com rede de empresas e instituições envolvidas com o turismo de aventura e tem mais de 1.100 associados em 95 países.

O empresário Marcello Yndio, que participou do treinamento, trabalha com turismo há muitas décadas e leva os turistas a conhecerem as comunidades indígenas dos kadweus e terenas. Lá, os turistas interagem com os índios e conhecem sua cultura. A agência de turismo de Marcello Yndio é conhecida internacionalmente. Ele acredita na importância da Adventure Week para o setor de turismo na região. "Eu acho de grande importância para divulgação internacional de nosso Pantanal”, disse.

Embratur trabalhou junto às duas cidades para captação do evento

Há cerca de três anos, o Brasil tem conversado com a ATTA, por meio da Embratur, para trazer esse evento para a região. Tanto a Embratur, quanto o Governo do Estado e os municípios de Corumbá e Bonito estão investindo nisso.

“É um evento muito focado e todos os resultados que foram apresentados nos outros eventos foram muito bons para os destinos. A nossa intenção era trazer para o Brasil para gerar negócios e a gente começar a vender mais o Brasil para os estrangeiros”, afirmou Diego Arelano, técnico da diretoria de produtos e destinos da Embratur, vinculada ao Ministério de Turismo e responsável por divulgar internacionalmente as cidades brasileiras como destino turístico. A Embratur está pela primeira vez em Corumbá, no primeiro evento internacional de negócios voltado ao turismo na cidade.

A autarquia ajudou os municípios a captar o evento, mas toda a gestão é feita pela ATTA, que entra em contato com as principais operadoras mundiais de turismo para que elas participem da Adventure Week. No Brasil, será um grupo de 15 operadoras e 5 profissionais de mídia, da América do Norte e da Europa. A Embratur participou de todo o processo de aprovação e seleção pela ATTA em cerca de três anos de diálogo, várias reuniões no Brasil e em feiras internacionais de turismo.

Treinamento foi ministrado pela representante da Adventure Travel Trade Association (ATTA), Gabriella Assis

Diego Arelano veio de Brasília exclusivamente para fazer inspeção da potencialidade turística de Corumbá, juntamente com a representante na América Latina da Adventure Travel Trade Association (ATTA), sediada nos Estados Unidos. Em cinco dias, ele e a brasileira Gabriella Assis, da ATTA, realizaram inspeção em Corumbá, a fim de avaliar a cidade como produto turístico, sua estrutura para receber os operadores e jornalistas estrangeiros e realizar ajustes, além de fazer o treinamento com os operadores de turismo da cidade.

 “Essas operadoras vão fazer esse roteiro turístico que eu fiz, por isso que foi necessária a inspeção, para ter ideia de qual é o conceito do lugar, para ver o que o Pantanal tem para oferecer, para eles fazerem reuniões e começarem a vender. Eles vão conhecer os operadores daqui que vendem o produto. Além de conhecerem o conceito da região, eles já vão fazer negócios, vão sair daqui comprando pacotes e os jornalistas vão promover. Vamos entregar vídeos, fotos e matérias que vão sair pelo mundo inteiro”, explicou Gabriella Assis ao Diário Corumbaense.

A mesma inspeção e treinamento realizados em Corumbá, também serão feitos em Bonito.

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE