Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
20 de Setembro de 2018
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Temer diz que deverá manter reajuste de servidores federais

Agência Brasil em 30 de Agosto de 2018

O presidente Michel Temer confirmou hoje (30), durante visita ao Rio de Janeiro, que não pretende suspender o reajuste previsto para os salários dos servidores do Executivo em 2019. Ele ressaltou, porém, que ainda examina o assunto.

Temer disse ainda que “está em negociação” a eliminação do auxílio-moradia, concedido a magistrados, em troca da garantia de reajuste de 16,38% aprovado pela maioria do Supremo Tribunal Federal. “Faremos o possível sem onerar os cofres públicos”, afirmou o presidente.

Os reajustes terão impacto de R$ 11 bilhões no Orçamento de 2019, considerando todos os servidores, entre civis e militares. Se o reajuste fosse adiado, como previsto inicialmente, apenas para os civis, a economia seria de R$ 6,9 bilhões, segundo o Ministério do Planejamento.

A previsão é de que as despesas da União com pessoal em 2019, como salários e encargos, alcancem R$ 322 bilhões.

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE