Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
14 de Agosto de 2018
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

SIG estoura "Boca do Olavinho" e encontra pelo menos cinco adolescentes no local

Ricardo Albertoni em 31 de Julho de 2018

Divulgação/SIG

Ponto de venda de drogas foi estourado por volta das 17h30 desta terça-feira (31)

Pelo menos cinco adolescentes foram encontrados em uma “boca de fumo” estourada por volta das 17h30 desta terça-feira (31) por equipe do SIG – Setor de Investigações Gerais da Delegacia Regional da Polícia Civil de Corumbá.

Desta vez, o SIG, que realiza desde o ano passado ações visando a repressão ao tráfico de drogas na região, monitorou o ponto de venda de entorpecente no bairro Popular Velha, onde o dono seria Olavo Perci Santos Pinto, de 29 anos. A “boca de fumo”, segundo a Polícia Civil, era localizada na rua Frei Mariano, próximo à obra do hospital da Cassems.

O local já era alvo de investigações tanto do SIG quanto de outras instituições como o Ministério Público, devido à denúncias relatando a presença de adolescentes no local. O dono da boca, conhecido como “Olavinho” era quem negociava a droga. Ele foi visto pelos policiais entrando e saindo da casa com algo nas mãos assim que um usuário chegava para comprar entorpecente.

Após constatar a prática criminosa, o SIG entrou no imóvel e encontrou vários usuários, pelo menos cinco deles, adolescentes. Uma porção de maconha pesando 50 gramas, quatro porções menores da droga já embrulhadas em papel filme pesando 9 gramas e uma porção de cocaína pesando outros 9 gramas foram encontradas na residência de Olavo. Os policiais também acharam a quantia de R$ 291 em dinheiro miúdo, uma balança de precisão, diversos aparelhos eletrônicos sem origem lícita comprovada, celulares e rolo de papel filme para embalar entorpecentes. Olavo foi preso e encaminhado para a delegacia.

Sobre a presença de adolescente no ponto de venda de drogas, o delegado titular do SIG/DRP, Rodrigo Blonkowski afirmou que trata-se de uma situação constante. “Infelizmente é constante a presença de adolescentes em pontos de comercialização de entorpecentes, seja exercendo a traficância, seja utilizando drogas. O SIG continuará agindo de modo firme e constante, reprimindo a nefasta prática do tráfico de drogas em todas as escalas (pequeno, médio e grande) na região”, afirmou.

Denúncias

O SIG da Polícia Civil atua em parceria com a população através de denúncias anônimas. Qualquer informação pode ser repassada pelo telefone (67) 9 9272-6380 ou pelo e-mail sigcorumba@gmail.com.

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE