Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
23 de Julho de 2018
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Identificados homens que trocaram tiros com a Polícia Militar após tentativa de roubo

Rosana Nunes e Ricardo Albertoni em 10 de Julho de 2018

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Momento em que funerária levou os corpos para o IMOL

Os três homens mortos no final da tarde de segunda-feira (09) durante confronto com a Polícia Militar de Corumbá foram identificados como Fabiano Ronaldo Franco, de 19 anos; Renato de Pinho Ruiz, 26, e Thiago Júnior Valentim Tertuliano, de 22 anos.

Conforme adiantou o Diário Corumbaense, os indivíduos mortos seriam autores de tentativa de roubo de motocicleta em uma via que dá acesso à estrada da Bocaina por volta das 16h de segunda. O local já é conhecido da Polícia por outros roubos em que os bandidos armados renderam as vítimas, as amarraram e as deixaram no meio do matagal

Mas, desta vez, a vítima de 42 anos, conseguiu acelerar a moto e escapar da ação criminosa. Em seguida, acionou a PM pelo 190. A partir daí, guarnições da Rádio Patrulha de Ladário e Patrulha Comunitária de Corumbá vieram pela estrada da Bocaina e equipe da Força Tática entrou morro acima, pela Quinze de Novembro, no conjunto Cravo III. 

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Após o confronto, equipes do Corpo de Bombeiros e da Polícia Civil foram acionadas

Segundo a assessoria de comunicação da PM, em certo ponto do trecho, a guarnição percebeu a aproximação de quatro homens com os rostos cobertos por panos e cada um armado de revólver. Um deles tinha uma arma longa. Os policiais militares deram ordem de parada e para que largassem as armas, mas os indivíduos abriram fogo. A guarnição revidou e atingiu três homens, o quarto  conseguiu escapar pelo matagal. Nenhum policial se feriu. 

Após o confronto, a  PM acionou o apoio de outras viaturas e do Corpo de Bombeiros para fazer o atendimento emergencial aos baleados, mas eles não resistiram aos ferimentos e morreram no local. Os corpos foram levados para o Instituto Médico Odontológico Legal (IMOL) e foram identificados. 

Divulgação/PM

Armas e touca usadas na ação criminosa

As armas usadas pelo trio foram apreendidas. São dois revólveres .38 e um de calibre .22, ambos municiados e com projéteis deflagrados, e ainda uma faca com aproximadamente 20 centímetros de lâmina. 

O homem que foi vítima da tentativa de roubo compareceu à 1ª Delegacia de Polícia Civil para o registro da ocorrência e reconheceu a touca usada por um dos indivíduos na ação, além das armas. 

A Polícia Civil vai abrir inquérito para investigar as circunstâncias do confronto. O Comando do 6º Batalhão da PM informou que também irá instaurar inquérito policial militar para apurar o caso. 

Ficha criminal

O Diário Corumbaense apurou que Fabiano Franco, quando menor de idade, teve passagem policial por lesão corporal dolosa e agora, tentativa de roubo. Renato de Pinho Ruiz tinha passagens por tráfico de drogas, ameaça, vias de fato, perturbação da tranquilidade e do trabalho e tentativa de roubo. Já Thiago Tertuliano, por porte ilegal de arma de fogo, roubo e tentativa de roubo. 

Lugar perigoso 

Um dos moradores da região onde aconteceu o confronto e que não quis se identificar, disse à reportagem que o local é conhecido ponto de refúgio de criminosos. “Eles aprontam e vêm se esconder aqui. Direto tem gente correndo pra esses lados”, contou o morador. (matéria editada para acréscimo de informação)

 

Ações e Compartilhamento
Comentários:

Joelson DA SILVA Carvalho: Parabéns! A Polícia Militar pelo.excelente trabalho, que continuem assim pois os maus elementos não param de roubar matar e aterrorizar os cidadãos de bem que trabalham para manter uma convivência normal . Parabéns ao BPM

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE