Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
18 de Julho de 2018
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Brasil se torna país com mais gols em Copas; Neymar se isola como 4º da Seleção

Globoesporte.com em 02 de Julho de 2018

O gol de Neymar contra o México foi o primeiro dos dois que garantiram a classificação do Brasil às quartas de final da Copa do Mundo. Porém, essa não foi a única importância da bola na rede do camisa 10.

Com o gol de Neymar, o Brasil atingiu uma marca histórica: chegou ao seu 227º gol em Copas, tornando-se, assim, a Seleção que mais gols fez em Copas do Mundo. No fim do jogo, foi a 228, com o gol de Firmino. Antes, o recorde pertencia à seleção alemã, que balançou as redes 226 vezes, mas já está eliminada da atual edição do Mundial.

Além disso, Neymar também confirmou uma estatística individual: se isolou como o quarto maior artilheiro da história da Seleção, com 57 gols. Ele está atrás somente de Zico (66), Ronaldo (67) e Pelé (95). Antes, ele havia se igualado a Romário com o 56º gol, contra a Costa Rica, na fase de grupos.

Na cola dos craques

Neymar também turbinou seus números individuais ao marcar diante do México. Em nove jogos de Copa, o brasileiro chegou ao sexto gol. Com isso, igualou Messi, que também balançou as redes em seis oportunidades. Porém, o argentino já disputou 19 partidas de Copa com a Argentina - mais que o dobro de Neymar.

Cristiano Ronaldo também está na mira do atacante brasileiro. O português fez sete gols vestindo a camisa de Portugal em 17 aparições com a seleção na Copa. Em relação ao número de assistências, Neymar supera CR7: 3x2.

Entre as Copas de 2014 e 2018, Neymar também vem se consagrando como um dos artilheiros da competição. No total, o atacante fez seis gols nas duas edições somadas - quatro em 2014 e outros dois na Rússia. Junto com James Rodriguez, meia da Colômbia, ele é o jogador que mais balançou as redes nesse período de tempo.

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE