Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
23 de Maio de 2018
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

“Pais do coração”: caminhada quer chamar a atenção para importância da adoção

Ricardo Albertoni em 17 de Maio de 2018

Ilustração/Diário Corumbaense

O evento é em alusão ao Dia Nacional da Adoção, celebrado no dia 25 de maio

Neste sábado, 19 de maio, acontece 2ª Caminhada da adoção de Corumbá e Ladário. A ação é coordenada pelo GAAP (Grupo de Apoio e Adoção do Pantanal) formado por pais adotivos, funcionários das casas de acolhimento e pessoas interessadas no processo de adoção. O evento é em alusão ao Dia Nacional da Adoção, celebrado no dia 25 de maio.

De acordo com coordenador do GAAP, o empresário Elson Moreira, o objetivo é mostrar à sociedade a importância da adoção e principalmente levar informação ao público que não tem conhecimento sobre o tema. “Este ano traremos todas as entidades que se integraram nesta luta. Sabemos que existem muitas pessoas em Corumbá que não têm conhecimento de que existe casa de acolhimento na região.  A celebração da data é no dia 25 de maio, mas faremos o evento no dia 19, sábado, para que todos participem. Toda a equipe do Judiciário estará junto fazendo panfletagem e dando informações sobre a importância da adoção”, explicou ao Diário Corumbaense.

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Segundo o coordenador do GAAP, Elson Moreira, o objetivo é mostrar à sociedade a importância da adoção e levar informação ao público que não tem conhecimento sobre o tema

A concentração para a caminhada acontece às 09h no Jardim da Independência e a coordenação pede a participação das pessoas que se sensibilizarem com a causa. “Vamos tentar levar alguns brinquedos para as crianças, então, as famílias, independentemente de serem ‘pais do coração’ ou não, mas que se sensibilizem com o tema, estão convidadas. Essa participação é muito importante para o GAAP e para as casas de acolhimento”, afirmou Elson.

GAAP

Atualmente em torno de 20 pais adotivos, também chamados pelos integrantes como “pais do coração” participam do Grupo de Apoio e Adoção do Pantanal. O  GAAP foi criado a partir de uma sugestão do juiz Maurício Cleber Miglioranzi Santos, titular da Vara da Infância e Juventude e equipe técnica, após constatação da baixa procura de pedidos de adoção e apadrinhamento na região.

Recentemente, atividades voltadas para assegurar direitos das crianças e adolescentes foram reorganizadas. De acordo com Elson Moreira, por iniciativa do juiz Maurício, houve uma triagem onde foram identificadas pessoas que fazem parte de alguma forma do processo de adoção, no caso do GAAP e as que se sensibilizam e apoiam a causa, como o Projeto Padrinho. Entidades como Lions e Rotary foram convidadas e hoje também integram as ações.

O GAAP passou a se concentrar em seu propósito principal, que é o de trocar experiências entre os pais adotivos e as pessoas que estão pretensas à adoção. O coordenador relatou que essa troca de informações antes da entrada no processo é tão importante que chega a mudar o conceito do que uma família considera como uma “adoção ideal”.

“Temos exemplos de pessoas que entraram, passaram a participar de reuniões e mudaram a maneira de pensar sobre o que consideravam o ideal para adotar. Após conhecê-las, começaram a pensar de outra forma e hoje estão adotando crianças com mais idade, o que é muito difícil, a chamada adoção tardia. Geralmente o pai quando idealiza o filho quer aquele bebezinho e essa mudança de perfil é feita com esse contato, através do GAAP. Então, é muito importante que as pessoas que tenham a intenção de adotar, participem do grupo porque são muitas trocas de experiências e são compartilhadas histórias muito bonitas que vale a pena conhecer. Só através dessas reuniões e esses contatos que essas pessoas vão ter esse conhecimento”, finalizou Elson.

Como conhecer o GAAP

Para conhecer o grupo de apoio e participar das reuniões, as pessoas podem entrar em contato com o coordenador Elson pelo telefone (67) 9 9924-2330, ou Cleverson (67) 9 8109-6964.

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE