Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
18 de Setembro de 2018
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Com mais de 20 mil inscritos e 1 milhão de views, youtuber corumbaense faz sucesso na internet

Ricardo Albertoni em 15 de Maio de 2018

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

A corumbaense Fernanda Moreira atingiu o número de 20 mil inscritos em seu canal

Na última semana, a youtuber corumbaense Fernanda Moreira atingiu o número de 20 mil inscritos em seu canal. A marca veio simultaneamente com número expressivo de 1 milhão de visualizações entre todos os vídeos postados pela jovem.

Fernanda faz parte de um novo modelo relacionado à produção de conteúdo que se formou com o crescimento da internet : o digital influencer ou influenciador digital. Simultaneamente à evolução tecnológica, há também o aumento do consumo de informação e produtos e em grande parte, são os produtores de conteúdo como no caso dos youtubers, que influenciam nas decisões de compra.

Mas, a relação entre os produtores de conteúdo e seu público não se resume apenas às questões comerciais. Muitos desenvolvem uma relação de amizade com seus seguidores, que acompanham muitas vezes a quilômetros de distância a vida de seus ídolos digitais.

Com a youtuber  corumbaense não é diferente. Embora o percentual de pessoas que assistem com frequência as dicas, opiniões e atividades desempenhadas pela jovem em frente às câmeras, represente quase 20% da população da sua cidade, sua maior parcela de fãs não está em Corumbá e sim espalhadas pelos diversos pontos do Brasil e do mundo.

Em 2017, Fernanda emplacou um de seus vídeos de maior sucesso que alcançou mais de 284 mil visualizações

Embora seja uma apaixonada por falar para as câmeras, ouvir os comentários do público mais próximo sobre suas apresentações faz a timidez vir à tona. “Meus amigos ficam acompanhando, ficam mais empolgados. Eu fico com vergonha, porque antes eu postava e quem via era o público de fora, mas, a partir do momento que eu começo a gravar e o pessoal de Corumbá começa a me enviar mensagem dizendo que viu meu vídeo eu não sei muito como reagir. Esse reconhecimento em Corumbá é diferente porque eu sou muito tímida. Respondo comentários de todas as regiões, mas quando vêm de Corumbá,  fico envergonhada. Um exemplo é o que acontece nos ensaios do grupo de jovens da Igreja Assembleia de Deus no qual eu canto. Quando o pessoal diz que tem 'vídeo novo da Fernanda', eu quero dizer: 'não assistam não!'", confessou Fernanda aos risos ao Diário Corumbaense.

Início

A jovem explicou que iniciou a atividade em 2015, mas, depois de motivos pessoais decidiu interromper o projeto. Em 2016, o curso técnico de enfermagem que realizava reacendeu a paixão pelos vídeos e a fez reativar o canal atingindo grande parte do público da área da Saúde. Foi nessa fase, já em 2017, que Fernanda emplacou um de seus vídeos de maior sucesso que alcançou mais de 284 mil visualizações (veja acima).

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

A jovem explicou que iniciou a atividade em 2015

Nele, a corumbaense dava dicas sobre o que não fazer durante um estágio de enfermagem. De maneira descontraída, Fernanda deu informações importantes para pessoas que estão prestes a passar por este período de aprendizagem em uma empresa ou instituição. Com expressões como “beleza!” e “cricrí”, a jovem passou a mensagem aos seguidores e recebeu muitos agradecimentos nos comentários, além dos mais de 10 mil likes.

De acordo com Fernanda, o sotaque, característico do povo corumbaense aguça a curiosidade dos "seguidores". Para responder esse questionamento, ela já visitou alguns locais da região para mostrar as peculiaridades da cidade fronteiriça.

“Dinheiro do lanche”

Os vídeos são semanais e segundo a youtuber garantem pelo menos o “dinheiro do lanche”. Os valores são repassados por uma Network, empresa que intermedia benefícios dos associados junto ao Youtube e realiza repasses de acordo com audiência e engajamento dos seguidores dos canais. Além disso, Fernanda recebe alguns materiais para analisar, principalmente voltados para atender profissionais da área de saúde. Caso avalie positivamente o material, a jovem recomenda aos seguidores.

“Eu ganho através da Network, eles entram em contato com você, mas isso depende da quantidade de visualizações, do tempo que a pessoa passa assistindo, então, dá pra ganhar um dinheiro. Eu tenho uma Network, não é do Brasil, não é aquela fortuna  mas o lanche dá pra comprar. Eu também recebo materiais para analisar, já recebi coisas para o público aleatório como produtos, acessórios, e agora recebo coisas de enfermagem. Eles entram em contato e sabem que tenho um público dessa área, então enviam sem compromisso os materiais. Quando é de boa qualidade eu dou dicas para as pessoas, mas, quando não é, eu não indico, afinal, são 20 mil pessoas ali esperando minha opinião. Trabalhar com internet é complicado”, avaliou.

Apoio da família e não desistir

Fernanda dá um conselho às pessoas que têm vontade de seguir seus passos. A dica é não desistir e não esperar condições perfeitas para poder desempenhar atividade.  “O conselho é não esperar as condições perfeitas, eu ficava com medo porque não tenho uma câmera boa, um microfone, o cenário é a parede do meu quarto que eu tento formatar, arrumar, então, acho que esperar as condições perfeitas nunca vai fazer nada”, afirmou.

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

De acordo com Fernanda, o sotaque, característico do povo corumbaense aguça a curiosidade dos "seguidores"

O apoio dos familiares também é fundamental. Fernanda conta com a ajuda do pai que a auxiliou até na montagem do estúdio improvisado, e da mãe, que já até apareceu em um dos vídeos com grande número de visualização em que as duas ensinavam a fazer sorvete. A este Diário, Deise Gomes, mãe da youtuber, lembrou que achou estranho no início, porém, após saber mais sobre as publicações, se tornou fã número um do trabalho da filha.

“Ela dá as informações sobre a enfermagem e a gente incentiva bastante. No começo achamos estranho, queríamos saber o que ela estava postando, mas depois percebemos que ela gosta muito de gravar os vídeos, de falar e que eram somente coisas boas, para os jovens. Estou entre as inscritas, sou fã numero um”, contou.

Embora publicidade e jornalismo estejam entre as possibilidades de uma carreira, Fernanda afirma que prefere seguir no ramo da enfermagem e neste momento unir as duas paixões tem sido gratificante.

“Desde que comecei a fazer os vídeos, minha mãe falou que eu tenho essa facilidade de comunicação. Pensei em fazer publicidade e propaganda, jornalismo, mas eu gosto muito da enfermagem. Penso em me especializar, fazer concurso, dentro da enfermagem.  Então, conseguir juntar as duas coisas que eu gosto muito, que é fazer os vídeos e falar da enfermagem, é muito bom. Todos os dias recebo mensagens no meu celular de pessoas dizendo que as estou ajudando, isso é muito gratificante, é surreal pra mim”, finalizou Fernanda.

Ações e Compartilhamento
Comentários:

Edson Marcos Carvalho: Parabéns jovem , achei muito bom seus vídeos, são de muita importância, continue assim, que Deus continue te abençoando. !

Haelson Silveira de França: Orgulho da família Moreira, terá uma carreira brilhante!!!!

Fabiana Moreira Salvaterra: Orgulho da família, inspiraçao de muitos ❤

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE