Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
23 de Junho de 2018
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Série D: Corumbaense é goleado pelo Brasiliense no Mané Garrincha

Ricardo Albertoni em 04 de Maio de 2018

Anderson Papel/DF Sports

Com o resultado, o Brasiliense assume provisoriamente a liderança do grupo

O Brasiliense levou a melhor no duelo contra o Corumbaense que valeu a vice-liderança do grupo A10 do Campeonato Brasileiro da Série D. Com nomes como o pentacampeão Lúcio, e jogadores conhecidos no cenário nacional como Wellington Saci; Souza, Erick Flores e Tartá, a equipe de Brasília se reabilitou na competição após a derrota em casa para o Iporá.

Com a goleada de 4 a 0, em noite de grande exibição do time diante de um público pequeno de 541 pessoas sobre o vice-campeão sul-mato-grossense, o Jacaré confirmou a segunda colocação do grupo e reverteu a pressão para o Carijó da Avenida. Os dois times jogam a próxima partida no estádio Arthur Marinho, em Corumbá, no dia 13 de maio (ainda não é oficial, mas o Corumbaense deve pedir alteração da data para o dia 12 de maio).

O jogo

A partida foi quase toda dominada pelos donos da casa que chegaram várias vezes com perigo ao gol do time pantaneiro. O Corumbaense esteve próximo da área adversária poucas vezes e no primeiro tempo só chegou aos 28 minutos da primeira etapa quando Mutuca cabeceou fraco para a defesa do goleiro Edmar.

O Corumbaense passou a se arriscar mais e o Brasiliense encontrou espaços. Romarinho da equipe anfitriã avançou pela esquerda e cruzou para a área. A bola passou por Nunes e sobrou para o estreante Tartá, que acertou o travessão na primeira tentativa e, na segunda, não desperdiçou abrindo o placar.

No segundo tempo, o técnico Robert Almeida sacou o pendurado Mutuca para a entrada de Igor Pimentel e trocou Agnaldo por Da Matta. Com a mudança, o Carijó da Avenida iniciou a etapa final buscando mais o jogo. Em uma subida na área, o zagueiro do alvinegro, Milanez, cabeceou para a defesa do goleiro Edmar, mas parou por aí. O Brasiliense retomou o controle da partida e o goleiro Guilherme do “Alvinegro Pantaneiro” impediu o segundo gol do time da casa aos 12 minutos com uma grande defesa.

Mas, alguns minutos depois, Peninha que entrou aos 10 minutos do segundo tempo no lugar de Souza, acertou um belo chute, desta vez, sem chance para o arqueiro pantaneiro. Jorginho, que Robert Almeida teria adiantado que poderia ser o titular na partida acabou entrando no segundo tempo, no lugar de Sandrinho. Mas alteração no setor ofensivo não surtiu resultado e o Brasiliense chegou ao terceiro aos 28 minutos com um golaço de Peninha que estava em noite inspirada. O meia viu Guilherme adiantado e acertou um chute no ângulo. O mesmo Peninha ainda marcou o quarto da partida, terceiro dele no jogo, aos 44 minutos, fechando a goleada.

Anderson Papel/DF Sports

Com 3 pontos, o Corumbaense ocupa a terceira posição no grupo

Classificação

Com o resultado, o Brasiliense assume provisoriamente a liderança do grupo com 6 pontos e um gol a mais de saldo que o Iporá que está na segunda colocação com a mesma pontuação. O Corumbaense é o terceiro com 3 pontos e o Dom Bosco é o quarto colocado com nenhum ponto ganho.

No domingo, 06 de maio, Dom Bosco e Iporá fecham a rodada em partida que será disputada na Arena Pantanal, em Mato Grosso. Uma vitória do Dom Bosco pode deixar o Corumbaense na lanterna do grupo devido ao saldo negativo do time pantaneiro após essa partida.

A Série D

O Campeonato Brasileiro da Série D é disputado por 68 clubes, divididos em 17 grupos de quatro equipes na primeira fase. Os 17 primeiros e os 15 melhores segundos colocados de cada chave avançam à segunda fase, que será disputada em jogos mata-mata de ida e volta. Caso não esteja entre os quatro melhores colocados ao fim do campeonato para avançar à Série C, por ser vice-campeão estadual em 2018, o Corumbaense já está garantido na Série D do ano que vem.

 

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE