Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
20 de Agosto de 2018
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Campo Grande: pai preso por “vender” filha para estupradores é liberado

Campo Grande News em 03 de Maio de 2018

Reprodução

Momento que homem de 58 anos entra em camburão; prisão foi filmada por vizinhos

Um homem de 40 anos, o pai que teria entregue a filha de 11 anos para dois estupradores por R$ 200, e um dos suspeitos, de 56 anos, foram libertados. Já o homem, de 58 anos, que foi flagrado pela PM (Polícia Militar) com a garota teve a prisão preventiva decretada.

Os três passaram por audiência de custódia na manhã desta quinta-feira (3) da 2ª Vara do Juizado Especial de Campo Grande. As decisões são do juiz Francisco Vieira de Andrade Neto. O caso é investigado em sigilo e por isso não é possível acessar os autos para entender porque um dos suspeitos ficou preso.

O crime

Os três foram presos na tarde de terça-feira (1º), no bairro Parque do Lageado, região sul de Campo Grande. A PM foi chamada por vizinhos, que avisaram sobre a criança ter sido deixada numa casa com dois homens. Por meio de uma fresta, um PM diz ter conseguido enxergar um dos suspeitos abusando da criança.

Era possível ouvir os gritos de socorro da vítima, ainda segundo a Polícia Militar. Um dos militares, então, pulou o muro e arrombou a porta da sala e encontrou a menina sendo violentada. O homem de 58 anos vestia apenas uma calça jeans com o zíper aberto. A criança correu assustada em direção ao PM e relatou os abusos.

O outro suspeito conseguiu fugir antes da chegada da polícia. Mas, a menina contou que havia mais uma pessoa com ela na casa, “o irmão da igreja”, conforme o relato da vítima. O homem foi identificado e preso.

Questionado sobre a situação, o pai da menina disse que havia recebido R$ 200 para deixar a filha cozinhar na casa dos autores. O dinheiro seria usado para comprar “mistura”. A vítima foi recolhida pelo Conselho Tutelar e entregue à mãe dela. A investigação está cargo do delegado Fábio Sampaio, da Depca (Delagacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente). 

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE