Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
26 de Maio de 2018
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Durante fiscalização, PMA flagra homem em pesca predatória com auxílio de drone

Lívia Gaertner em 02 de Maio de 2018

Fotos: Divulgação/PMA-MS

Imagens de drone possibilitaram flagrante de crime ambiental em rio de Coxim

Com auxílio de imagens produzidas por um drone, a Polícia Militar Ambiental (PMA) prendeu um homem que praticava pesca predatória na cidade de Coxim, região norte de Mato Grosso do Sul. A detenção ocorreu dentro da Operação “Dia do Trabalhador”, entre os dias 27 de abril a 1º de maio em todo o Estado.

No balanço geral divulgado pela PMA nesta quarta-feira, 02 de maio, os números apontam que, no total, houve cinco autuações, das quais três foram de caráter administrativo por pesca sem licença. No geral, ainda foram apreendidos 20 quilos de pescado irregular.

Além de combater ilegalidades e crimes de pesca - principalmente em períodos de feriados prolongados, quando aumenta o número de pescadores nos rios - o efetivo de 280 homens empregados na Operação atuou fiscalizando e prevenindo outros crimes ambientais como desmatamento, exploração ilegal de madeira, caça, carvoarias irregulares.

Policiais flagraram exploração ilegal de aroeira em Aquidauana

Os policiais também flagraram a derrubada de 160 árvores da espécie aroeira, na cidade de Aquidauana. O autor foi autuado por exploração ilegal de madeira e recebeu ainda multa pela ação contra a lei ambiental. Crimes comuns como contrabando, descaminho, tráfico de drogas, porte ilegal de armas e outros foram combatidos e prevenidos.

Num somatório entre todas as ocorrências registradas, o valor de multas aplicadas foi de R$ 51 mil, sendo de maior cifra a referente à explorada ilegal de madeira, conforme Decreto Federal nº 6.514/2008.

A última operação realizada durante esse feriado aconteceu em 2014, quando a data também aconteceu de forma prolongada.

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE