Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
13 de Dezembro de 2017
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Prefeitura formaliza repasse de quase R$ 1 milhão para entidades carnavalescas de Corumbá

Lívia Gaertner em 29 de Novembro de 2017

A Prefeitura de Corumbá oficializou o início do repasse de verbas para as entidades carnavalescas da cidade na manhã desta quarta-feira, 29 de novembro. Liesco (Liga Independente das Escolas de Samba de Corumbá), Liblocc (Liga dos Blocos Carnavalescos de Corumbá) e UCC (União dos Cordões Carnavalescos de Corumbá) estiveram representadas por seus dirigentes que assinaram a minuta do termo de colaboração com o Executivo.

“O prefeito se esforçou ao máximo, sabendo que há 3 folhas de salários dos servidores a serem pagas, e ainda assim conseguiu fazer com que recebêssemos nosso primeiro repasse agora em dezembro. O carnaval agradece, o povo de Corumbá agradece. Acho que é a primeira obra cultural do Marcelo Iunes será o carnaval de Corumbá, que é nossa maior festa e também a maior do Estado”, disse José Martinez Neiva, presidente da Liesco.

A Liga das escolas de samba recebeu, nesse primeiro momento, R$ 200 mil que serão repassadas às dez agremiações que a integram a fim de acelerar os trabalhos nos barracões a pouco mais de 60 dias para início da maior festa popular da região. Até o dia 26 de dezembro, a Liesco deve receber mais R$ 100 mil para completar 50% do total a ser repassado.

Fotos: Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Prefeito Marcelo Iunes destacou que repasse de verbas é investimento na cultura e na economia local

A Liblocc, entidade que aglutina os onze blocos oficiais da cidade, recebeu a primeira de duas parcelas de R$ 110 mil. Por sua vez, a UCC recebeu R$ 40 mil como primeira de duas parcelas.

A Prefeitura estima que até o dia 26 de janeiro, as três entidades recebam a parcela que totaliza a verba, fechando os repasses em R$ 600 mil para a Liesco; R$ 220 mil para a Liblocc e R$ 80 mil para a UCC.

“Vocês bem sabem que o Estado publicou o edital de chamamento como fez o ano passado e que acabou saindo uma semana antes do carnaval devido à lei, que é extremamente burocrática. Por isso nos esforçamos, estivemos no Tribunal de Contas e seguindo orientação deles chegamos a conclusão que o repasse será feito esse ano através de um termo de colaboração dispensando então o edital de chamamento, mas cumprindo todas as demais exigências da lei 13019, referente à prestação de contas, documentação, prazos, etc.”, esclareceu Luiz Mário Cambará, diretor-presidente da Fundação de Cultura e Patrimônio Histórico de Corumbá.

Investimento

O prefeito de Corumbá, Marcelo Iunes, destacou aos representantes das entidades carnavalescas e do meio cultural, que estiveram presentes durante o ato de assinatura das minutas, a importância do repasse que, segundo ele, é um investimento não apenas na cultura, mas na economia, já que a festa injeta capital e faz movimentar o comércio local.

“É um dinheiro do orçamento da cultura, ninguém está tirando dinheiro da Saúde, da Educação, da Segurança Pública. Nosso carnaval sempre foi o maior do Centro-Oeste e não pode parar de crescer, então é importante que o governador possa ajudar muito mais. (...) A crise não é somente em Corumbá, é no Estado, no Brasil e até em boa parte do mundo, porém não poderia deixar de olhar para o carnaval”, afirmou ao aproveitar para fazer um chamamento aos empresários do município.

“É difícil fazer promoções, muitos empresários que podiam ajudar, não o fazem. Quem mais ganha é o setor de hotéis e barcos-hotéis e eles nunca conseguem ajudar um dos melhores carnavais do Brasil tanto pelos desfiles como pela segurança”, disse ao ressaltar que a Prefeitura já iniciou conversas com o setores privados para capitanear mais investimento para a festa popular.

Representantes das agremiações carnavalescas e de movimentos culturais estiveram presentes em ato de assinatura de minuta

Iunes lembrou a parceria com o Governo do Estado que já se comprometeu, inclusive, com uma atração nacional para os bailes populares, porém também destacou que essa esfera do Poder Público pode reforçar sua participação do evento.

“Não é somente o nome de Corumbá que é levado para o Brasil, é o nome de Mato Grosso do Sul, do Pantanal, então eles (Governo do Estado) têm que ajudar mais. Que eles consigam investir mais no carnaval de Corumbá, eles investem R$ 200 mil e é muito pouco”, avaliou.

Sobre a estrutura e programação, o prefeito destacou que haverá algumas mudanças. Na parte estrutural, Iunes adiantou que haverá aumento significativo no número de arquibancadas ao longo do trecho do desfile a fim de oportunizar mais conforto à população. De acordo com o prefeito, as arquibancadas aumentarão em 50%.

Na programação, o diretor-presidente da Fundação de Cultura avisou que o tradicional Bloco Sandálias de Frei Mariano retornará para a quarta-feira de carnaval, abrindo a programação oficial dos desfiles pela avenida. 

Em 2018, o carnaval será de 08 a 13 de fevereiro. As escolas de samba desfilam no domingo e segunda, dias 11 e 12. O desfile dos blocos oficiais acontece no sábado, 10 de fevereiro. Os cordões carnavalescos se apresentam na terça-feira, dia 13.

 

Ações e Compartilhamento
Comentários:

Antonio carlos Ferreira Franco: Nada contra, porem, temos um único hospital da cidade caindo as traças, será que se dividisse essa grana fazendo uma cortesia pra quem realmente precisa não seria melhor ?

Hely Leite: Senhor Antônio Carlos Ferreira Franco, caso o senhor não saiba, cada secretaria tem sua verba destinada e o carnaval faz parte da cultura, então esse dinheiro que o senhor que pede para fazer uma ''cortesia " não pode ser desviado para outros fins a não ser a cultura que nesse caso e o carnaval, sou corumbaense e sei dos problemas da minha cidade. Cada a secretária de saúde do município destinar verba para tal propósito. E caso o senhor seja corumbaense saiba que carnaval de Corumbá e o maior do Cento Oeste! E do Brasil disputando com Rio de Janeiro e São Paulo. Então vamos prestigiar nossa cultura

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE