Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
19 de Junho de 2018
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Por reforma da Catedral, Comissão lança carnê para contribuição mensal

Da Redação em 29 de Julho de 2016

A Comissão para as obras da Catedral lançou esta semana um carnê para quem quiser contribuir com recursos que vão ser utilizados na reforma da igreja Matriz de Nossa Senhora da Candelária, que leva o nome da santa padroeira de Corumbá.  Foram emitidos mil carnês, que permitem contribuição durante 12 meses. Se todos forem regularmente pagos, serão arrecadados 240 mil reais para as intervenções.

Foto: Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Médico e pároco da catedral destacaram importância da comunidade no processo de reforma da Matriz

A reforma visa, inicialmente, recuperar parte do forro da estrutura de gesso do teto da Matriz, que [no dia 31 de maio] se desprendeu e caiu sobre alguns bancos, próximo de onde os fiéis assistem às missas. Por conta disso, após vistoria, a Defesa Civil interditou parcialmente o prédio e as missas são realizadas no salão paroquial.

“Montamos uma comissão, com 15 membros, que vem pensando as ações. Criamos esse carnê com contribuição de 20 reais por mês, pelo período de um ano. As pessoas que se interessarem em ajudar, devem procurar a secretaria da igreja Matriz. Terão o compromisso de fazer a doação mensal de 20 reais, totalizando 240 reais em doze meses. É a primeira ação concreta, também prevemos realizar promoções sociais, shows, almoços com renda revertida para a paróquia”, disse ao Diário Corumbaense o médico Carlos Eduardo Conti, que faz parte da comissão especial.

O médico reconhece que a comunidade da paróquia terá um longo caminho pela frente para arrecadar o montante necessário para a reforma. Por isso, ele vê como importante uma parceria com o Poder Público. “O recurso necessário é um valor muito grande, gira na faixa de 1,8 milhão de reais, vamos ter de trabalhar muito nesses próximos dois anos. Esperamos muito a parceria do poder público, do governo do estado e prefeitura e até de outras dioceses, mas já temos o carnê, uma promoção do Rotary no dia 06; um almoço para novembro e um show sertanejo sendo montado para o início do ano que vem”, afirmou.

Toda a mobilização se justifica pela importância da igreja Nossa Senhora da Candelária para a cidade. “Nessas ações procuramos envolver toda a sociedade. A Matriz é um bem da sociedade, foi a primeira igreja construída no estado do Mato Grosso, foi a primeira diocese de Mato Grosso. É um patrimônio histórico da cidade, além de representar muito para nós católicos”, completou Conti.

Pároco da Catedral de Nossa Senhora da Candelária, o padre Fábio Vieira informou a este Diário que vai apresentar a situação da Matriz para o governador Reinaldo Azambuja. "No dia 03 de agosto vamos ser recebidos pelo governador, às 10 horas, lá em Campo Grande. Ele sinalizou que nos ajudará sim”, declarou.

“Esta igreja tem sua relevância histórica por ser patrimônio. Fica mais fácil nos ajudarem por isso. O governador nos receberá. É algo importante para o Estado, um bem que não pode ficar ao léu. Desejo que toda a sociedade se sensibilize, bem como empresas. A comunidade vai fazer sua parte, não vamos desistir. É hora de unirmos força, pela Catedral de Corumbá, que é a igreja mais importante do Mato Grosso do Sul”, finalizou o religioso.

Foram emitidos mil carnês que permitem contribuição durante 12 meses

A Prefeitura de Corumbá firmou um termo de cooperação com a Diocese – no dia 15 de junho – para realizar obras de contenção na estrutura do telhado e do forro, o Executivo Municipal entregou cópias dos projetos arquitetônico e complementares do prédio, cuja obra foi contemplada pelo PAC das Cidades Históricas, porém não há previsão de liberação dos recursos pelo Governo Federal. 

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE