Menu

Fale Conosco Expediente

Corumbá, MS
23 de Setembro de 2017
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Instituto promove seminário em alusão ao Dia Internacional da Síndrome de Down

Caline Galvão em 17 de Março de 2016

Com a proximidade do Dia Internacional da Síndrome de Down,  21 de março, o Instituto de Pessoas com Síndrome de Down do Pantanal (PESDPAN) promoverá, no sábado (19), o primeiro seminário pantaneiro para discutir informações como inclusão social e estimulação precoce de pessoas com Down. O objetivo é diminuir preconceitos e tirar dúvidas sobre o assunto. O evento é gratuito e acontecerá das 07h30 às 17h na Unidade III do Campus do Pantanal da UFMS, localizada no Porto Geral. As inscrições podem ser feitas no local ou através do e-mail (pesdpan.corumba@hotmail.com). Certificados serão emitidos para quem precisar e o público-alvo são familiares, acadêmicos e profissionais.

Outra temática que será abordada é a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência), que foi homologada no ano de 2015, visando promover a equiparação de oportunidades, dar autonomia a elas e garantir acessibilidade no país, das pessoas com deficiência. Referente à estimulação precoce, se realizada nos primeiros anos de vida pode ser determinante para o desenvolvimento das pessoas com síndrome de Down em diversos aspectos, como desenvolvimento motor e comunicação.

As palestras serão ministradas por diversos profissionais. A pedagoga Rosemeire Zozias discursará sobre “Inclusão”. Já o defensor público Carlos Felipe Guadanhim Bariani palestrará sobre “Estatuto das pessoas com deficiência”. A pedagoga Rosana Queiroz fará apresentação sobre “A importância da hora da notícia”. Da mesa redonda sobre estimulação precoce vão participar o fisioterapeuta Luiz Maurício Papa dos Santos, a fonoaudióloga Nanci Peres e Mônica Philbois, professora de Educação Física.

Reprodução

Inclusão social e estimulação precoce são temas de seminário

O Instituto de Pessoas com Síndrome de Down do Pantanal (PESDPAN) foi fundado no dia 08 de novembro de 2015. Trata-se de uma associação sem fins lucrativos, livre de ideologia político-partidária e cunho religioso. O instituto acolhe pessoas com síndrome de Down, seus amigos, familiares e profissionais. “O instituto tem como objetivo proporcionar melhor qualidade de vida, levando informação e rompendo preconceitos, para que essas pessoas e seus familiares possam ter uma vida normal. Pessoas com Down têm capacidade de aprendizado. Elas têm um tempo mais lento para aprender, mas aprendem, são capazes. A gente sempre busca estimular a autonomia delas”, afirmou Viviane Ametlla, diretora da entidade.

Os colaboradores do instituto se reúnem toda quinta-feira em uma residência na rua Treze de Junho, 1256.  Se algum familiar ou profissional se interessar em aderir, a entidade está de portas abertas. Para entrar em contato é só enviar e-mail para pesdpan.corumba@hotmail.com ou pelo telefone (67) 9223-5644.

Dia Internacional da Síndrome de Down

Oficialmente estabelecido em 2006 e amplamente divulgado, o Dia Internacional da Síndrome de Down, 21 de março, tem por finalidade dar visibilidade ao tema, reduzindo a origem do preconceito. A Síndrome de Down foi descoberta em 1862 pelo médico britânico John Langdon Down. A data foi escolhida porque se escreve como 21/3 (ou 3-21), o que faz alusão à trissomia do cromossomo 21, isso porque as pessoas que possuem a Síndrome de Down carregam 3 cromossomos número 21, o correto seria apenas um par de cromossomos 21. No Brasil estima-se que 300 mil pessoas tenham a  Síndrome.

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE