Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
20 de Setembro de 2018
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

SIG prende dois e fecha mais um ponto de venda de drogas no bairro Maria Leite

Ricardo Albertoni em 20 de Fevereiro de 2018

Divulgação/Polícia Civil

Paulo Caetano Sacheto "Paulista", à esquerda, e Thiago Vieira Mota, foram presos

O SIG (Setor de Investigações Gerais) da 1ª Delegacia de Polícia Civil de Corumbá prendeu por volta das 12h10 desta terça-feira, 20 de fevereiro, Paulo Caetano Sacheto, de 41 anos, e Thiago Vieira Mota, de 27 anos, acusados de tráfico de drogas. A ação aconteceu após denúncia via celular que relatava sobre a existência de ponto de venda de entorpecentes em uma casa situada na esquina da rua Sargento Aquino e alameda Santa Rosa, no bairro Maria Leite, região conhecida como “Beira Triho”.

Após a informação chegar à Polícia Civil, o local foi alvo de investigação e durante o trabalho realizado pelos policiais, constatou-se movimento característico de “boca de fumo”, como o intenso vai e vem de pessoas, veículos, motocicletas e bicicletas. O ponto, que era conhecido como “Boca do Paulista” comercializava droga nos valores de R$ 5 e R$ 10 cada “paradinha" de pasta base. Os usuários, segundo denúncia, utilizavam o entorpecente no quintal da residência.

Divulgação/Polícia Civil

Durante buscas, foram encontradas 76 “paradinhas” ao lado do fogão da cozinha

Nesta terça-feira, após trinta minutos de monitoramento, os policiais perceberam movimentação de possíveis usuários que conversavam rapidamente com Paulo “Paulista” e Thiago, presos na ação. A equipe da Polícia Civil entrou no imóvel e encontrou duas mulheres, entre elas uma gestante, companheira de Thiago. Durante buscas, foram encontradas 76 “paradinhas” ao lado do fogão da cozinha e mais uma próxima dali. O peso total foi de 50,8 gramas. O fato de uma das embalagens estar fora da sacola indica que o material teria sido jogado quando a equipe policial entrou na casa.

Um esconderijo com a quantia de R$ 270 entre notas de R$ 2, R$ 5 e R$ 10 foi encontrado em um dos quartos da residência. Objetos utilizados para a fabricação das “paradinhas”, como peneira, tesoura, amoníaco, fermento (para mistura) e um caderno com as mesmas caraterísticas das embalagens foram encontrados. Thiago e Paulo “Paulista” foram presos e encaminhados para a delegacia de Polícia Civil de Corumbá, sem lesões.

Denúncias

O SIG da Polícia Civil atua em parceria com a população através de denúncias anônimas. Qualquer informação pode ser repassada pelo telefone (67) 9 9272-6380 ou pelo e-mail sigcorumba@gmail.com.

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE