Menu

Fale Conosco Expediente Buscar

Corumbá, MS
20 de Fevereiro de 2018
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
 

Império do Morro comemora 6 décadas de carnaval com campeão de luxo nas passarelas

Lívia Gaertner em 07 de Fevereiro de 2018

Fotos: Anderson Gallo/Diário Corumbaense

No barracão da Império do Morro, as cores verde e rosa dominam adereços

Um desfile cheio de luxo e glamour que não destoará do homenageado e de uma data emblemática para a mais antiga escola de samba de Corumbá em atuação. O Grêmio Recreativo Escola de Samba Império do Morro escolheu para seu enredo em 2018 fazer uma grande festa de comemoração aos seus 60 anos, só que com um toque para lá de especial: ter como anfitrião, o maior vencedor dos desfiles de fantasias de luxo em Mato Grosso do Sul, o carnavalesco Valdir Gomes.

“A gente quer trazer um carnaval alegre, bonito, contagiante e, acima de tudo, luxuoso por causa do nosso homenageado porque ele é o campeão no concurso de fantasias de luxo no Estado, então não tem como a escola não sair glamourosa”, avisou Kiro Panovitch, carnavalesco da Império do Morro ao explicar mais sobre o enredo.

“Nós já contamos a história da Império em 2005 com o enredo: ‘História da Minha História’ ao falarmos de Dona Venância e Chá Ana (fundadores da agremiação) nos anos quando ela presidiu a escola e eu não queria repetir. Daí, tivemos a ideia de fazer uma festa de aniversário para homenagear a agremiação e, posteriormente, a de homenagear Valdir, que é tudo de bom. Assim, continuamos com a proposta da festa, só que com Valdir Gomes, o anfitrião, como o imperador da Verde e Rosa”, disse Kiro ao citar o nome carinhoso pela qual a Império é conhecida devido às cores de seu pavilhão.

Mar em Verde e Rosa

Aliás, esse é um desfile que exigiu mais da criatividade do carnavalesco que optou por trazer a escola inteira nos tons da bandeira que mexe com o coração de muitos foliões corumbaenses. As diversas nuances do verde e rosa em combinações com o dourado, que confere a riqueza e o luxo, irão dominar o desfile da Império pela avenida.

“As alas, os carros vêm verde e rosa, ou seja, 99% do desfile todo será em verde e rosa. Tudo, desde a comissão de frente até a ultima componente terão essas cores, a única exceção por causa do tempo está nas fantasias de luxo que virão sobre os carros”, adiantou ao Diário Corumbaense, o carnavalesco que, dentro de sua história no carnaval da Império, afirma ser esta a primeira vez que projetou a escola como um “mar em verde e rosa”.

Carnavalesco Kiro Panovitch estrutura alegorias que são grande marca dos desfiles da Império do Morro

Conforme cálculos de Kiro, a Império deve passar pela passarela do samba com cerca de 1.100 componentes divididos em 14 alas e 5 carros alegóricos, dos quais, ele acompanha bem de perto toda a confecção, dia e noite no barracão, para deixar tudo de acordo com o desfile projetado em sua mente.

“Em se tratando de alas, a riqueza de detalhes vai estar presente porque eu não apenas pego o papelão, arame, coloco tecido e jogo uma fitinha em cima, eu gosto de jogo de textura, volume e acabamento de fantasias”, disse o carnavalesco que também traz, como sua marca, os grandes carros alegóricos com efeitos que encantam o público.

“O que vai ser o 'boom' da escola mesmo serão os quesitos: comissão de frente, mestre-sala e porta-bandeira, a bateria, a ala das baianas, os carros que são grandes e estarão mais ainda com as fantasias, esculturas e uma iluminação incrível”, afirmou.

Na opinião de Kiro, a Império do Morro fará um desfile marcante, sobretudo pela garra com a qual os integrantes estão demonstrando com mais força esse ano, o que, segundo ele, deve ser um elemento bastante importante dentro da busca do título de 2018.

“É um carnaval hiper especial. Na verdade, esses 60 anos estão sendo até mais especiais do que os 50 porque as pessoas estão valorizando mais a escola, o trabalho, com vontade de ganhar o carnaval. Está todo mundo empenhado em ganhar esse carnaval, porém independente do título, vamos fazer um desfile bonito, inesquecível para a Império do Morro”, avisa.

A Império do Morro é uma das dez escolas de samba de Corumbá que irão concorrer na 9ª edição do Esplendor do Samba, que em 2018 irá indicar 3 nomes por quesito e melhor escola de samba durante as duas noites de desfile. O prêmio, instituído pelo jornal Diário Corumbaense tem o objetivo de homenagear aqueles que fazem o carnaval da cidade ser um dos maiores e mais animados do País.

Grêmio Recreativo Escola de Samba "Império do Morro"

Fundação: 15/05/1958

Presidente: Edson Fardino

Cores: verde e rosa

Carnavalesco: Kiro Panovitch

Enredo: “Valdir Gomes, o supremo imperador das passarelas apresenta: Império, 60 anos de glória no Reino da Folia”

Compositores do samba-enredo: Wander Timbalada e Montebello Bondim

Intérprete: Wander Timbalada

Número de componentes: 1.100

Número de alas: 14

Número de carros alegóricos: 05 + 01 tripé

Componentes da bateria: 120

Porta-bandeira: Vitória

Mestre-sala: Juruna

Rainha da bateria: Lucilinha Victório

Mestre de bateria: Ninho

Local de ensaios: Rua Frei Mariano, esquina com a Porta Carrero, Centro

Colocação em 2017: 3ª colocada no grupo Especial, com 158,9 pontos

Ordem de desfile em 2018: 5ª a desfilar no dia 12/02 (2ª feira)

Informações sobre fantasias: (67) 9-9623-9000

 

GRES Império do Morro

Samba-enredo: “Império festeja seus 60 anos com Waldir Gomes, o imperador das passarelas”

Autores: Wander Timbalada e Montebello Bondim

Hoje a Império do Morro vem celebrar
60 anos de história em Corumbá                               (Bis)
Com Valdir Gomes, campeão da passarela,
Vou cantar e sambar que a noite é bela

Vai começar a festa
Chegou o Imperador da Verde e Rosa
Um ser de luz veio para mostrar
Que a Império do Morro vai festejar
Títulos marcantes, seus enredos tão brilhantes
E o rei da passarela tem magia e glamour

Ele é show, é Hors Concours
Homem do bem, de gesto nobre,
Mata a fome e agasalha o pobre

Viajando no tempo... amor
Antigos impérios visitou
Presente em Roma, na França e na China
Vestiu de xeique para sambar na bateria

Brilhou no céu
Um facho de luz que inspira um poema
Os Baluartes do Samba vou lembrar
Peço licença a Chá Ana e dona Vena
Força que vem dos astros a benção (oh! Virgem do Carmo)
Derrame o seu poder sobre o Forte Coimbra
Devoção que nos fascina                                         (Bis)
Baianas giram nesse Império de alegria
Servindo um banquete de iguarias
Nessa avenida comemorar
Vem Valdiroba é Carnaval vamos sonhar

Hoje a Império do Morro vem celebrar
60 anos de história em Corumbá                               (Bis)
Com Valdir Gomes, campeão da passarela,
Vou cantar e sambar que a noite é bela

Ações e Compartilhamento
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE